Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Ibaneis reduz toque de recolher no DF

Ibaneis Rocha lembrou que ainda vivemos um período difícil da pandemia, mas que o governo já pode flexibilizar as atividades comerciais como forma de apoiar os empreendedores e funcionários

Por Guilherme Gomes 03/05/2021 12h29
Foto: Tânia Rêgo /Agência Brasil

Por meio do Twitter, o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), disse que assinou um novo decreto que amplia o horário de funcionamento do comércio até às 23h. “Os shoppings poderão funcionar de 10h às 22h. O toque de recolher também fica reduzido, das 24h às 5h da manhã. Essas decisões passarão a valer hoje mesmo”, escreveu o mandatário.

Ibaneis Rocha lembrou que ainda vivemos um período difícil da pandemia, mas que o governo já pode flexibilizar as atividades comerciais como forma de apoiar os empreendedores e funcionários. “Os cuidados devem ser os mesmo: distanciamento social, uso de máscaras e higienização das mãos”, alertou o governador do DF

Confira as alterações previstas

Alteração. Decreto 41.913-2021 by Jornal de Brasília on Scribd

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Covid no DF

O Distrito Federal (DF) registrou, nas últimas 24 horas, 887 novos diagnósticos de covid-19. Desde o início da pandemia, 380.639 pessoas já foram infectadas na capital e 364.114 se recuperaram.

As regiões com mais casos confirmados são Ceilândia (42.032), Plano Piloto (36.186) e Taguatinga (30.520).

Do total de 378.783 mil casos, 7.855 (2,1%) faleceram em decorrência de complicações causadas pelo vírus. Do total de óbitos, 7.200 eram moradores do DF e 655 de outros estados.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Pressão nos leitos de UTI

Nesta segunda-feira (3), a taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) está em 93,23% nos hospitais públicos do DF. Isso porque trinta e sete leitos estão vagos para pacientes adultos, de acordo com a última atualização do InfoSaúde-DF, feita às 08h25.

A situação nos hospitais particulares é um pouco melhor, mas ainda preocupa. A taxa de ocupação dos leitos de UTI gerais está em 86,09%. As UTIs Covid-19 permanecem lotadas com 91,01%. Trinta e dois leitos estão disponíveis, todos para pacientes adultos

Até o momento da publicação desta reportagem, 111 pacientes aguardam leito de UTI na capital. Desse total, 23 são pessoas com suspeita ou confirmação de Covid-19.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar