Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Grupos que realizavam “turismo criminal” são presos

Tais roubos eram realizados em uma “tour”, onde eles passavam por diversos caixas eletrônicos e instalavam “pescadores”

Grupos de pessoas foram presos no último sábado (23) acusados de realizar, o que foi batizado pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), de “turismo criminal”.

O nome foi dado porque as pessoas alugavam carros em São Paulo, onde moram, e vinham para Brasília, onde ficavam nos melhores hotéis e cometiam uma série de roubos, retornando em seguida para SP e dificultando, dessa forma, a captura.

Tais roubos eram realizados em uma “tour”, onde eles passavam por diversos caixas eletrônicos e instalavam “pescadores”, um dispositivo que engole os cartões das vítimas, principalmente idosos. Com os cartões em mãos, os criminosos realizavam diversas compras.

Um dos grupos estava sendo monitorado desde a última sexta-feira (22) quando chegaram ao DF. No sábado, os suspeitos cometeram diversas fraudes em caixas eletrônicos no Lago Norte, Lago Sul e Asa Sul.

O grupo, após terem saído do Deck Norte, onde realizaram mais uma fraude, foram até o Shopping Iguatemi e foram presos tentando comprar um Iphone 12 Pro com um dos cartões.

Na delegacia, segundo a equipe policial, o grupo chegou a zombar, dizendo que sairiam na audiência de custódia e poderiam retornar à São Paulo, onde se esconderiam. Sabendo disso, o Juízo da Audiência de Custódia converteu a prisão de flagrante para prisão preventiva. Um terceiro indivíduo do grupo foi identificado, mas está foragido.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar