Menu
Brasília

GDF lança Rede Comunidade para capacitar Organizações da Sociedade Civil

Projeto visa qualificar gestores e voluntários das OSCs em marketing digital, prestação de contas e regras contábeis

Carolina Freitas

10/04/2024 13h37

Foto: Carolina Freitas/JBr

O Governo do Distrito Federal (GDF), por meio da Secretaria de Atendimento à Comunidade (Seac), e em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), lançou, nesta quarta-feira (10), o projeto Rede Comunidade que visa qualificar e capacitar as Organizações da Sociedade Civil (OSC) do DF.

O projeto surge como resposta do GDF à necessidade de capacitação e apoio técnico às OSCs. O Rede Comunidade oferecerá qualificação aos gestores e voluntários das OSCs nas seguintes áreas: formalização de entidades, elaboração de projetos, prestação de contas, marketing digital e captação de recursos públicos, políticas públicas, além de orientar sobre a legislação vigente e regras contábeis.

Serão distribuídas ao todo 1.080 vagas, ao longo de três anos do projeto, para 2024 serão disponibilizadas 360 vagas. Para participar da Rede Comunidade, os gestores e voluntários das OSCs podem se inscrever, a partir do dia 15 de abril, pelo site do Portal da Comunidade ou presencialmente na Seac. Todas as 35 regiões administrativas (RAs) do DF serão beneficiadas com vagas, sendo que o projeto será dividido em edições, com 30 vagas para cada etapa.

As inscrições ficarão disponíveis até novembro, mas as OSCs devem ficar atentos ao início de cada edição do projeto e as RAs que serão beneficiadas a cada mês. Para conferir o calendário de inscrições, acesse o edital do Rede Comunidade.

O resultado da seleção e a convocação dos participantes serão divulgados no site da Sesc, dentro de até cinco dias úteis após o término das inscrições da edição. As informações sobre local e horário das atividades de formação serão disponibilizadas nesse mesmo período. Ao final da capacitação, os participantes receberão certificados, além de suporte e acompanhamento nas questões burocráticas ligadas ao desenvolvimento de projetos sociais no DF.

Para a vice-governadora, Celina Leão, o projeto é primordial para que as OSCs participem dos chamamentos públicos do GDF: “Com esse projeto queremos dar transparência ao processo de uso do recurso público, dos nossos fomentos e chamamentos públicos. Pretendemos dar mais oportunidade para que mais pessoas acessem esses recursos de forma transparente e correta. Nosso objetivo é capacitar o terceiro setor para poder buscar esses recursos que muitas vezes já estão disponibilizados pelo GDF e pelo Governo Federal”.

Celina ainda exaltou a parceria do GDF com o Sebrae no projeto: “Estaremos oferecendo um atendimento à comunidade, e acreditamos que isso será um divisor de águas para que essas entidades sejam capacitadas para fazer o devido processo legal que é exigido dentro do GDF. Estamos muito felizes com a parceria entre a nossa Secretaria de Atendimento à Comunidade e o Sebrae”.

A secretária da Seac, Clara Roriz, comentou que o projeto nasceu ao observar a dificuldade das associações em prestar contas e executar projetos sociais: “O projeto Rede Comunidade nasceu com o propósito de capacitar as organizações que executam projetos sociais dentro da sua comunidade. Eu recebi muitos projetos sociais falando que não sabiam como prestar contas e elaborar planos de trabalho. Então, agora, vamos capacitá-los e orientá-los, além de trazer o terceiro setor para mais perto do governo.”

“Todas as regiões administrativas serão atendidas, nós elaboramos o cronograma de acordo com os maiores números de atendimentos que recebemos. Água Quente é uma cidade nova onde se tem muita demanda e existem muitos projetos sociais, e logo em seguida, aparece Samambaia com uma quantidade maior de projetos sociais cadastrados no banco de dados da pasta. O edital vem especificando todas as regiões administrativas e a data do mês em que eles serão atendidos”, completou Clara.

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado