Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Caso Lázaro: assassino do Incra 9 fazia fotos sensuais

Imagens obtidas pelo Jornal de Brasília mostram a tática

Lázaro Barbosa de Sousa, 33 anos, acusado de cometer uma chacina no Incra 9 (Ceilândia) na semana passada e diversos outros crimes desde então, também fazia fotos sensuais para enganar possíveis vítimas nas redes sociais.

Imagens obtidas pelo Jornal de Brasília mostram a tática. O psicopata posava nu e tentava angariar, pelas redes sociais, possíveis casos amorosos que, provavelmente, poderiam também resultar em tragédia:

Trocou tiros com caseiro

Na  noite de segunda-feira (15), Lázaro tentou invadir uma chácara em Edilândia-GO, trocou tiros com um caseiro e conseguiu fugir. A vítima relatou aos policiais que revidou quando o fugitivo deu o primeiro disparo.

O caseiro relata ainda que ouviu uma espécie de gemido e que Lázaro disse: “Você me acertou, mas eu vou te matar”. Em seguida, o criminoso fugiu novamente e não se tem mais informações desde então.

Polícias civil e militar do DF e de Goiás estão nas buscas, além da Polícia Federal e da Polícia Rodoviária Federal. São mais de 200 policiais empenhados na operação. Na segunda (15), o secretário de Segurança do Goiás, Rodney Miranda, se deslocou para a região.






Você pode gostar