Siga o Jornal de Brasília

Brasil

Mulher que acusou Neymar tem ação de despejo e dívida de R$26mil

Sentença foi declarada na véspera da acusação contra o jogador

Da Redação
redacao@grupojbr.com

Najila Trindade Mendes de Souza, 26 anos, ganhou fama mundial na última semana ao acusar o jogador Neymar Jr. de estupro, supostamente ocorrido no dia 15 de maio. O jogador afirma que a relação foi consensual, e publicou um vídeo nas redes sociais expondo suas conversas íntimas buscando comprovar seu ponto. As mensagens não deixam claro se o estupro aconteceu ou não.

Na véspera do registro de boletim de ocorrência (dia 30/05), a 6ª Vara Civil de Santo Amaro a condenou a pagar uma dívida de R$26.712,00, uma multa contratual equivalente a três meses de aluguel e o pagamento de custos processuais.  Najila também recebeu uma ordem de despejo. A ação foi promovida por Marcus Vinicius Picconi e Verena Regina Fiori. Neymar e Najila provavelmente já conversavam quando a jovem foi sentenciada.

Além da dívida imobiliária, Najila atualmente responde por uma dívida de R$4160,77 com a Escola Panamericana de Artes. O processo ainda segue em trâmite há ao menos um mês antes da denúncia ao jogador.

Najila foi condenada à revelia na ação que resultou em seu despejo, e não constam outros processos em seu nome além desses dois.

Vídeoclip

A modelo tem vários trabalhos, dentre eles, um vídeoclip da música Fogo Cruzado, da banda Zula.

https://youtu.be/jvMrAw_I6GQ
Publicidade
Publicidade
Publicidade
  • CHARGE DO DIA