Siga o Jornal de Brasília

Histórias da Bola

Histórias do Pelé, parte 2

Você sabe quantos títulos Pelé conquistou ao todo? E quais? Relembre na coluna de Gustavo Mariani

Publicado

em

Pelé
Publicidade

1 – Na rede, ele só compareceu uma vez. Mas venceu três dos quatro jogos disputados na data 15 de julho. Foram partidas em que o “Camisa 10” viu pintar no placar acumulados 10 tentos.  Em 1967, o Santos excursionava pelo exterior e Pelé mandou uma bola na rede, durante os 4 x 1 sobre a italiana Juventus, de Turim. Passados três temporadas, voltou a entrar em campo nos 15 de julho, mas passou em branco nos 2 x 1 contra o São Bento, de Sorocaba, pelo Campeonato Paulista. O mesmo time foi o adversário na data, em 1973, quando o Santos obteve outra difícil vitória, por 1 x 0, pelo Paulistão, também sem o “Rei” mexer na conta. Por fim, em 1977, quando defendia o Cosmos, de Nova York, em seu último ano nos gramados, Pelé esteve no encontro em que o seu time foi batido, pelo Rochester Lancers, por 1 x 0, em compromisso do Campeonato Norte-Americano.

2 – O torcedor vascaíno Pelé apaga velinha no dia 23 de outubro. Nasceu em 1940, sob o signo de Escorpião, na mineira Três Corações. Aos 15 anos de idade, no dia 7 de setembro de 1956, jogou a sua primeira partida como atleta profissional do Santos Futebol Clube, o único que defendeu no Brasil, entre 1956 a 1974. No início de carreira, no entanto, vestiu a camisa do Vasco da Gama, que uniu-se ao Santos, para formar um combinado e disputar o Torneio Internacional do Morumbi.

3 – Pela Seleção Brasileira, Pelé estreou em 1957, com a camisa 13, no Maracanã, ao entrar no lugar de Del Vecchio, em jogo contra a Argentina, válido pela Copa Roca, marcando o primeiro dos 95 gols com a camisa canarinha, em 114 jogos que o tornam o maior artilheiro da história do escrete nacional.

4 – Atleta do Século, melhor futebolista do mundo, o “Rei do Futebol” tem estes títulos de campeão pela Seleção Brasileira e o Santos: 

Publicidade

Mundial de seleções- 1958/62/70;
Copa Rocca-1957/63;
Copa Oswaldo Cruz-1958/62/68;
Taça Bernardo O´Higgins-1959;
Taça do Atlântico-1960;
Campeonatos Paulistas: 1958/60/61/62/64/65/67/68/69/73
Torneio Rio-São Paulo: 1959/63/64/66;
Taça Brasil/Robertão :1961/62/63/64/65/68;
Taça Libertadores da América: 1962/63;
Mundial Interclubes: 1962/63;
Torneio Tereza Herrera: 1959;
Torneio Pentagonal do México: 1959;
Torneio de Valência-ESP: 1959;
Torneio Dr. Mario Echandi: 1959;
Torneio Giallorosso: 1960;
Torneio Quadrangular de Lima-PER:1960;
Torneio de Paris: 1960;
Torneio Itália-1961;
Torneio Internacional da Costa Rica: 1961;
Pentagonal de Guadalajara: 1961;
Taça das Américas: 1963;
Torneio Internacional da Venezuela: 1965;
Torneio Quadrangular de Buenos Aires: 1965;
Torneio Hexagonal do Chile: 1965/70;
Torneio Internacional de Nova York: 1966;
Pentagonal de Buenos Aires: 1968;
Octogonal do Chile: 1968;
Torneio da Amazônia: 1968;
Quadrangular Roma-Florença: 1968;
Torneio de Cuiabá: 1969;
Taça Cidade de São Paulo: 1970;
Torneio de Kingston: 1971;
Torneio Laudo Natel: 1974


Você pode gostar
Publicidade