Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Blogs e Colunas

Um dos maiores eventos sobre maconha é realizado em Uruguai e aberto para brasileiros

A cannabis é legalizada desde 2014 no país

Por Analice Nicolau 28/09/2021 3h00
A cannabis é legalizada desde 2014 no país

Sendo legalizada em apenas 22 países ao redor do mundo, ainda há muito tabu sobre a planta cannabis, conhecida também como maconha. Um dos países que tenta sempre debater o assunto e promover um melhor conhecimento sobre a erva é o Uruguai, onde acontece anualmente a ExpoCannabis. Em 2021, o evento acontecerá na primeira semana de dezembro.


A maconha foi legalizada no Uruguai em 2014 no intuito de combater o tráfico de drogas. Desde então, o país tem trabalhado para mostrar ao resto do mundo os benefícios da planta. Com isso, foi até criado o turismo canábico. Mateus Barreira de Oliveira, advogado e proprietário da agência de turismo personalizado, a Uytrip, diz que esse tipo de trabalho é feito para mostrar a cultura canábica e afirma que em breve a cannabis será regulamentada em outros países.


“O turismo canábico surgiu em decorrência da abertura legal e possibilitou pessoas a virem descobrir como funciona, acabando assim com os estigmas e preconceitos, e dando mais conhecimento a respeito dessa planta milenar que ajuda muitas pessoas”, explica Mateus, que conta também que os turistas são levados para conhecerem cultivadores legais da maconha e ainda participam de oficinas para aprender a plantá-la.


Esse tipo de turismo chama atenção de pessoas de todos os cantos do mundo. Essa curiosidade do público e a necessidade de mostrar mais sobre a planta fez com que o país criasse também a ExpoCannabis Uruguay. “O evento é pioneiro e desde o início foi alvo de preconceito, mas sobreviveu. Se juntam pessoas de todo lugar para discutir sobre a cannabis. É o principal produto de turismo legal canábico que existe no mundo. Seminaristas, médicos, congressistas, ministros, policiais e várias pessoas vão se reunir para debater o assunto e tentar chegar em um denominador comum”, conta Mateus.


Sobre o preconceito, o advogado gosta sempre de lembrar que a cannabis é uma erva. “A hipocrisia que domina o mundo permite que as pessoas bebam, fumem tabaco, mas não deixa que elas fumem o cigarro de uma planta”.
A ExpoCannabis já está na 8ª edição e acontecerá em Montevidéu, no Uruguai, durante três dias, sendo 3, 4 e 5 de dezembro. Os visitantes poderão participar de seminários, conferências, shows ao vivo e muito mais nos quatro pavilhões do evento, que será realizado seguindo todas as medidas de proteção contra a Covid-19.


“Nós esperamos que a ExpoCannabis 2021 seja um êxito de público, experiência e aprendizado. Afinal, é lá que estarão pessoas para discutir o futuro da cannabis no mundo. A Uytrip estará mais uma vez no evento e é um prazer nós estarmos falando com tantas pessoas do Brasil sobre o turismo canábico no Uruguai. Estamos à disposição para recebe-los”, finaliza. A empresa tem diversos pacotes de viagem que reúnem diferentes experiências para os turistas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar