Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Torcida

Torcedor do Fla ganha ação contra a Fifa por mudança no Mundial de 2022

A ação foi movida por Haroldo Couto, um dos rubro-negros que foi ao Marrocos, em fevereiro, para acompanhar a competição

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS)

Um torcedor do Flamengo ganhou uma ação contra a Fifa por danos morais, após a mudança na programação do Mundial de Clubes de 2022. Ainda cabe recurso.

A disputa de terceiro lugar aconteceria na capital Rabat, mesmo local da final, mas a entidade mudou para Tanger dois dias antes do jogo.

A Fifa foi condenada ao pagamento de R$ 20 mil. A decisão foi homologada pela juíza Flavia Tancredo. A entidade por recorrer.

A ação foi movida por Haroldo Couto, um dos rubro-negros que foi ao Marrocos, em fevereiro, para acompanhar a competição.

Em março, a Fifa havia respondido a uma notificação conjunta de um grupo de torcedores. No documento, afirmou “que as alterações foram feitas de acordo com as condições gerais aplicáveis”,

A entidade apontou que a “Real Federação Marroquina de Futebol tomou todas as medidas necessárias para garantir que a alteração não afetasse a partida e a possibilidade de os espectadores assistirem”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar