fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Torcida

Minas Brasília vence de novo e se aproxima de vaga na semi do Brasileirão feminino

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Gabriel Lima
redacao@grupojbr.com

O Minas/Icesp, do DF, manteve o bom nível de atuação na série A2 do Campeonato Brasileiro Feminino e bateu, em partida iniciada às 16h desta quarta-feira (23), um oponente direto pela vaga nas semifinais. Jogando em Sete Lagoas (MG), as brasilienses venceram, de virada, o América-MG por 2 a 1 e se consolidaram na vice-liderança de seu grupo, com 12 pontos, apenas um atrás do Internacional-RS.

Com o triunfo, as minas chegaram à quarta vitória em cinco jogos e abriram cinco pontos sobre o Vila Nova, do Espírito Santo, atual terceiro colocado, que ainda joga na noite desta quarta contra a Associação Atlética Napoli, de Santa Catarina. As capixabas podem encurtar a distância para dois pontos em caso de vitória em Cariacica (ES).

O jogo

O início da partida não reservou grandes emoções e foi muito brigado no meio campo. Com as duas equipes no páreo pela classificação à segunda fase da competição, as equipes começaram se estudando. A primeira chance saiu aos 10 minutos de jogo, quando Novinha, do Minas, recebeu passe na grande área e tocou no canto da goleira Camila, carimbando a trave direita. Aos 18, a rede balançou pela primeira vez. Aninha aproveitou o bate rebate e colocou no canto esquerdo da goleira Kris, que nada pôde fazer. América-MG abriu o placar.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Mesmo jogando em solo mineiro, as minas não sentiram o gol. Pelo contrário, cresceram no jogo e correram em busca do empate, que quase veio com a atacante Bárbara. Ela recebeu cruzamento e cabeceou por cima, levando perigo à goleira adversária. As brasilienses tanto pressionaram que chegaram ao empate aos 43 minutos. Novinha recebeu a bola livre e partiu em direção ao gol defendido por Camila, que se afobou e derrubou a atacante fora da área.

A árbitra Josiene Dinelle Pereira expulsou a arqueira das donas da casa. Na cobrança de falta, Jéssica bateu bem, a bola pegou no travessão e encontrou Andiara que, livre, só escorou para o fundo das redes. E assim terminou o primeiro tempo, com 1 a 1 no placar e superioridade numérica para as brasilienses.

A virada

A segunda etapa começou como terminou a primeira. O Minas buscava a virada e controlava a posse de bola. O América se defendia e tentava chegar. E chegou. A primeira boa chance aconteceu exatamente para as mineiras, aos cinco minutos de jogo, com a atacante Vanessa. Ela recebeu a bola dentro da área, ganhou da marcação e chutou para o gol. Atenta, a zagueira Bia se atirou na bola para travar o ataque e impedir que o arremate fosse em direção à goleira Kris.

Movimentado, o jogo continuou brigado no meio e sem grandes oportunidades. Com o domínio da partida, as brasilienses tiveram uma grande chance. Novinha recebeu sozinha dentro da área e tentou driblar a goleira reserva  Karol, que saiu bem do gol e impediu o lance, bem como a virada das visitantes.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sabendo da importância de mais uma vitória, o Minas trocava passes e tentava furar o bloqueio verde, enquanto as mineiras, que precisavam vencer de qualquer maneira para continuar sonhando com o acesso, pouco produziam. Até que, aos 35 minutos, Novinha mudou o panorama da partida. Jéssica lançou para a camisa 9 que não desperdiçou. Com um toque, mandou por cobertura para vencer a goleira Karol, virando para o time do DF. Os últimos minutos de jogo foram de nervosismo para os dois lados. As mineiras cresceram no final do jogo, mas não conseguiram o empate.

O panorama

Com a vitória, o Minas/Icesp continua na vice-liderança, já que o Internacional não tomou conhecimento do arquirrival Grêmio e goleou por 5 a 1, em Gravataí (RS), alcançando 13 pontos e se isolando no topo do grupo. Agora, a equipe de Brasília tem 12 pontos, um a menos que o Colorado.

O próximo compromisso pode valer classificação para a equipe verde e azul. Jogando em casa, as representantes da capital na segunda divisão feminina recebem o Duque de Caxias-RJ, lanterna do grupo. A bola rola a partir das 15h, no estádio do Abadião, na Ceilândia, no próximo dia 30. Mesmo com resultados adversos, o Minas depende apenas de si para se garantir na semifinal da Série A2.


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade