Siga o Jornal de Brasília

Torcida

Grêmio encarna o espírito “copeiro” e despacha o Palmeiras

De virada, o tricolor gaúcho vence o Verdão é se torna o primeiro time brasileiro classificado para a semifinal da Copa Libertadores. Agora, o time espera o vencedor de Flamengo e Internacional

Publicado

em

Publicidade

A caminhada do Palmeiras na Copa Libertadores foi encerrada na fria noite desta terça-feira. Em um Pacaembu lotado, o time dirigido por Luiz Felipe Scolari chegou a sair na frente, mas tomou a virada do Grêmio e acabou derrotado por 2 a 1, resultado que determina a eliminação nas quartas de final.

Em um primeiro tempo movimentado, o Palmeiras saiu na frente por meio de Luiz Adriano, mas o Grêmio virou rapidamente com Everton Cebolinha e Alisson. Com a vantagem de passar com um empate, o time mandante não conseguiu nem sequer assustar o goleiro Paulo Victor na etapa complementar.

Classificado às semifinais da Copa Libertadores, o Grêmio apenas espera pelo vencedor do confronto decisivo entre Internacional e Flamengo, marcado para as 21h30 (de Brasília) desta quarta-feira, no Beira-Rio. No Maracanã, o time rubro-negro ganhou por 2 a 0.

Ficha Técnica:

Palmeiras 1 x 2 Grêmio

Local: Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 27 de agosto de 2019, terça-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Néstor Pitana (ARG)
Assistentes: Hernan Maidana (ARG) e Ezequiel Brailovsky (ARG)
VAR: Daniel Fedorczuk (URU)
Renda: R$ 1.847.047,50
Público: 34.541 pagantes
Cartões amarelos: Marcos Rocha (PAL); Maicon, Matheus Henrique, Jean Pyerre, Alisson e Geromel (GRE)
Gols:
PALMEIRAS: Luiz Adriano, aos 13 minutos do 1º Tempo
GRÊMIO: Everton, aos 17 minutos do 1º Tempo, e Alisson, aos 21 minutos do 1º Tempo

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gómez e Diogo Barbosa; Thiago Santos, Bruno Henrique (Raphael Veiga) e Gustavo Scarpa (Zé Rafael); Dudu, Willian (Deyverson) e Luiz Adriano
Técnico: Luiz Felipe Scolari

GRÊMIO: Paulo Victor, Leonardo, Geromel, Kannemann e Cortez; Maicon (Romulo), Matheus Henrique, Jean Pyerre e Alisson (Diego Tardelli); Everton e André (Pepê)
Técnico: Renato Gaúcho


Você pode gostar
Publicidade