Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Torcida

Flamengo espera avaliação da Covid-19 para avançar por Fla-Flu em Brasília

A realização do jogo no Mané, entretanto, pode ser inviabilizada devido aos recordes de transmissão do novo coronavírus em Brasília

Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha (Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

O Flamengo e Fluminense terão, novamente, um estádio em comum parav chamar de seu. No Carioca 2022, o Luso Brasileiro, da Portuguesa, irá receber a dupla em jogos contra os pequenos. No entanto, o primeiro clássico do estadual, um Fla-Flu, agendado para 6 de fevereiro, às 16h05, tem tudo para acontecer no Mané Garrincha.

A realização do jogo no Mané, entretanto, pode ser inviabilizada devido aos recordes de transmissão do novo coronavírus em Brasília.

As negociações vêm desde a definição dos jogos da competição, em novembro do ano passado. Na programação do Flamengo de Paulo Sousa, o clássico é tido como provavelmente o primeiro compromisso do time titular.

O Estádio Kleber Andrade, em Cariacica, no Espírito Santo, é a alternativa ao Mané Garrincha.

O presidente do Fluminense, Mário Bittencourt, deixou claro durante uma live em dezembro, que o estádio nacional de Brasília era prioridade enquanto candidato a sede do primeiro Fla-Flu de 2022.

“Estamos tentando viabilizar jogar no mínimo dois jogos em praças distantes. A tendência é que seja Brasília e Espírito Santo. Parece que o Flamengo vai mandar o Fla-Flu em Brasília, então faríamos o jogo contra o Botafogo, na rodada seguinte, lá também. E o contra a Portuguesa em Cariacica”, disse.

Antes de jogar com o Fluminense, o Flamengo enfrenta Portuguesa (26/01), Volta Redonda (29/01) e Boavista (02/02).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A equipe rubro-negra tem toda a estrutura na capital federal. Treina no CT do Brasiliense, joga no Estádio Mané Garrincha e se hospeda em hotel bem próximo ao palco de seus jogos.








Você pode gostar