fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Futebol

Coxa perde de virada para o Vitória e segue na ZR

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

O Coritiba saiu na frente, mas cedeu a virada por 3 a 1 para Vitória, no Estádio Joia da Princesa, em Feira de Santana, e agora segue na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro 2016. O Leão, com 22 pontos, conseguiu subir para a 12ª colocação, deixando as proximidades da ZR.

Depois de um primeiro tempo sem bola na rede, o Coxa voltou com força depois do intervalo e, aos dois minutos, Raphael Veiga, completando um levantamento perfeito de Carlinhos, estufou as redes para abrir o placar. Juninho, espanando para trás, marcou o gol contra que deixou tudo igual. Marinho e Kieza decretaram a virada.

Na próxima rodada, o Vitória encara o Palmeiras, domingo, no Allianz Parque, em São Paulo. Já o Coritiba encara a Ponte preta, no mesmo dia, no Estádio Couto Pereira.

O jogo – O Leão começou a partida pressionado e, aos seis minutos, Dagoberto fez o cruzamento fechado e ninguém conseguiu desviar. Aos oito minutos, Kieza recebeu no meio da área, com total liberdade, mas conseguiu chutar para fora, sem goleiro. A reposta veio com Kléber ganhando da defesa, na raça, mas o chute saiu torto, direto pela linha de fundo

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O Alviverde começou a buscar espaço, com Kazim, que aos 12 minutos rentou o chute cruzado, mas ninguém apareceu para desviar no caminho. Aos 17 minutos, novamente o turco, que protegeu a bola, rolou para Kléber, que girou o corpo e chutou para fora. O jogo era equilibrado, com a equipe coxa-branca saindo um pouco mais. Aos 25 minutos, Dodô arriscou de longe, com veneno, e Fernando fez grande defesa.

O Vitória tentou novamente uma chegada ao ataque, aos 30 minutos, com Dagoberto, que só conseguiu raspar a cabeça na bola, para fora. A troca quase foi fatal, em contra-ataque rápido puxado por Iago, que invadiu a área e chutou forte, no ângulo, carimbando o travessão baiano. Aos 42 minutos, Kazim rolou para Raphael Veiga que, no entanto, não conseguiu o domínio para entrar na área com liberdade.

Para a segunda etapa, as equipes retornaram sem novidades. Mas, logo aos dois minutos, Carlinhos fez a assistência e Raphael Veiga subiu para desviar de cabeça e abrir o placar em Feira de Santana. Aos seis minutos, Kazim cruzou fechado, Fernando Miguel espalmou e, na sobra, Raphael Veiga acertou a zaga.

A equipe baiana não estava bem na partida, mas contou com a ajuda da zaga coxa-branca. Aos 16 minutos, Juninho foi cortar o cruzamento e empurrou para dentro das próprias redes, encobrindo Wilson. O técnico Pachequinho colocou em campo Neto Berola para sua estreia pelo Coxa. Aos 26 minutos, Keiza partiu para a jogada individual, mas não conseguiu o último corte.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O joo se encaminhava par ao fim com as duas equipes ainda procurando o gol. Aos 39 minuots, Wilson saiu errado, o gol ficou vazio e Joao Paulo apareceu para afastar. Até que, aos 42 minutos, Marinho decretou a virada, com um belo gol. A defesa coxa-branca abriu de vez. Kieza, aos 47 minutos, fechou acontagem.

VITÓRIA 3 X 1 CORITIBA

Local: Estádio Joia da Princesa, em Feira de Santana (BA)
Data: 03 de agosto de 2016, quarta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO)
Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Cristhian Passos Sorence (GO)
Cartões amarelos : Kanu (Vitória)

Gols
VITÓRIA: Juninho (contra), aos 16 minutos, Marinho, aos 42 minutos, e Kieza, aos 47 minutos do segundo tempo
CORITIBA: Raphael Veiga, aos 02 minutos do segundo tempo

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

VITÓRIA: Fernando Miguel; Diego Renan, Ramon, Kanu, e Euller (Wellison) ; Amaral (Flávio), Willian Farias e Dagoberto (Vander); Marinho, Cardenas e Kieza.
Técnico: Vágner Mancini.

CORITIBA: Wilson, Dodô, Walisson Maia, Juninho, Carlinhos (Benitez), Edinho, João Paulo, Iago (Neto Berola) e Raphael Veiga, Kleber e Kazim
Técnico: Pachequinho


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade