Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Torcida

Brasileiros não vão à final do salto triplo em Tóquio-2020

A melhor marca do país na prova foi de Mateus de Sá, que saltou 16m49. Almir dos Santos fez 16m27, e Alexsandro Melo, que se queixava de dores no joelho, 15m65.

Brazil’s Mateus Daniel Adao De Sa competes in the men’s triple jump qualification during the Tokyo 2020 Olympic Games at the Olympic Stadium in Tokyo on August 3, 2021. (Photo by Andrej ISAKOVIC / AFP)

FOLHAPRESS

O Brasil teve três atletas nas qualificatórias do salto triplo nas Olimpíadas de Tóquio-2020, nesta segunda-feira (2, horário de Brasília). Nenhum deles conseguiu ficar entre os 12 melhores e avançar para a final.

A melhor marca do país na prova foi de Mateus de Sá, que saltou 16m49. Almir dos Santos fez 16m27, e Alexsandro Melo, que se queixava de dores no joelho, 15m65.

“Tive uma temporada difícil, inconstante, mas vim aqui para mudar isso. Minha graça é isso, meu palco é esse. Então quando eu venho e não consigo fazer o que espero, é difícil vir aqui e dar um sorriso e agradecer a torcida de vocês, que foi essencial. O Brasil merece mais. Não adianta chegar aqui e encontrar o que deu errado, eu preciso resolver para a próxima. Eu queria chegar na primeira olimpíada e sair com um resultado melhor. Mas o que deu foi isso”, disse Almir.






Você pode gostar