Siga o Jornal de Brasília

Política & Poder

PF faz operação na sede do MDB regional

A operação tem relação com apuração de candidaturas laranjas de mulheres nas eleições de 2018

Lindauro Gomes
[email protected]

A Polícia Federal (PF) fez operação de busca e apreensão na sede do MDB regional nesta terça-feira (21). Ao que tudo indica, a então presidente regional do MDB Mulher, Ericka Filippelli, entrou no olho do furacão do laranjal das candidaturas de mulheres na última eleição. 

Com uma candidata ao cargo de Deputada Federal, Meire Mota, e 15 candidatas na disputa por uma cadeira na Câmara Distrital e sem nenhuma candidata ao Senado da República, o MP Eleitoral estranhou que uma legenda do tamanho do MDB não tenha cumprido a regra de atingir a cota de 30% reservada para as mulheres. 

Para piorar o cenário, pode sobrar para o atual presidente da legenda, Rafael Prudente, que assumiu o partido com a dura missão de reforçar a legenda e mudar a imagem do partido perante a opinião pública.

Vale lembrar que o MDB em Brasília era comandado pelo ex-governador do Distrito Federal, Tadeu Filippelli, réu na Justiça em várias ações de improbidade administrativa e corrupção. 

 

Aguarde novas informações 

Publicidade
Publicidade
  • CHARGE DO DIA