fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Política & Poder

Fake news: Frota acusa Bolsonaro de contratar mulher para reclamar de quarentena

Na gravação, publicada pelo próprio presidente, a mulher diz ser professora particular e que a quarentena “é para vagabundo”

Aline Rocha

Publicado

em

PUBLICIDADE

Na manhã desta sexta-feira (3) o deputado Federal Alexandre Frota usou suas redes sociais para acusar o presidente Jair Bolsonaro de contratar uma empresária para ir até a porta do Palácio da Alvorada para reclamar da quarentena e das medidas de isolamento social.

Na gravação, publicada pelo próprio presidente, a mulher diz ser professora particular e que a quarentena “é para vagabundo”. 

Frota diz que a Fátima Montenegro é “empresária de Brasília e militante do Bolsonarismo. Foi colocada estrategicamente no dia para criar a comoção”.

Veja: 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade