Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Política & Poder

Governadores Helder Barbalho, Ratinho Júnior e Camilo Santana denunciam clonagem de seus celulares

O governador cearense afirma que hackers roubaram dados de sua agenda telefônica e passaram a enviar mensagens em seu nome

Foto: Reprodução

Mônica Bergamo
FolhaPress

Os governadores do Pará, Helder Barbalho (MDB), do Paraná, Ratinho Júnior (PSD), e do Ceará, Camilo Santana (PT), tiveram seus celulares hackeados nos últimos dias. Os episódios foram relatados pelos mandatários em seus perfis nas redes sociais.

O governador cearense afirma que hackers roubaram dados de sua agenda telefônica e passaram a enviar mensagens em seu nome, na tentativa de aplicar golpes financeiros. “A polícia foi acionada de imediato e iniciou investigação para chegar aos criminosos, que teriam atuação em outros estados. Se você também foi vítima de algum golpe virtual deve procurar imediatamente a polícia”, escreveu Camilo Santana nesta quarta-feira (4).
Ratinho Júnior também relatou que golpes estariam sendo aplicados em seu nome. “Pessoal, meu celular foi clonado! Cuidado com os golpes que estão sendo aplicados. Qualquer pessoa que esteja tentando entrar em contato, cuidado, não sou eu”, disse o governador do Paraná na segunda-feira (2).

O governador do Pará, por sua vez, relatou ter sido alvo de hackers no dia 20 de julho. “Fui vítima de crime cibernético. Meu número de telefone foi clonado. Já fiz boletim de ocorrência e estou tomando as providências para resolver o problema”, escreveu Barbalho nas redes sociais.

Como mostrou a Folha, a maioria dos golpes praticados contra usuários de smartphones podem ser evitados com algumas medidas de segurança simples, segundo especialistas. Entre as recomendações estão o uso de senhas fortes, a habilitação de um segundo fator de autenticação em todos os serviços disponíveis e o cancelamento do envio de senhas e códigos de validação por SMS.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar