Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Política & Poder

CPI da Covid: confira as testemunhas que serão investigadas

A medida permitirá aprofundar as investigações, com a possibilidade de realizar quebras de sigilos e operações de busca e apreensão

Por Guilherme Gomes 18/06/2021 11h11
CPI da Covid Foto Edilson Rodrigues/Agência Senado

Nesta sexta-feira (18), a Comissão Parlamentar de Inquérito da Covid-19, que apura possível omissão do governo federal no enfrentamento da pandemia, divulgou a lista das testemunhas que serão investigadas. A medida permitirá aprofundar as investigações, com a possibilidade de realizar quebras de sigilos e operações de busca e apreensão.

Confira a lista das testemunhas que serão investigadas

Ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello
Ministro da Saúde Marcelo Queiroga
Ex-ministro das Relações Exteriores Ernesto Araújo
Secretária de Gestão do Trabalho e da Educação no Ministério da Saúde Mayra Pinheiro
Ex-secretário de Comunicação da Presidência Fábio Wajngarten
Assessor especial da Casa Civil da Presidência Élcio Franco
Médica Nise Yamaguchi
Virologista e professor Paulo Marinho de Andrade Zanotto
Irmão do ex-ministro da Educação Abraham Weintraub e ex-assessor da presidência, Arthur Weintraub
Coordenadora do Programa nacional de Imunização Francieli Fantinato Fontana
Empresário Carlos Wizard
Secretário do Amazonas Marcellus Campêlo

Bolsonaro mais uma vez ataca a ciência

Antes de começar a listar os nomes das testemunhas que serão investigadas na CPI, o vice-presidente da Comissão, senador Randolfe Rodrigues, lembrou que o presidente da República, Jair Bolsonaro, mais uma vez atacou a ciência durante uma live em uma rede social.

“No dia ontem o presidente da república fez declarações contra a ciência e saúde pública. De forma criminosa, ele informou que a contaminação é mais eficaz do que a vacinação. Não ouçam o que diz o presidente da República. Protocolamos no dia de hoje o requerimento para interrogar os responsáveis pelas redes sociais do presidente. Na terça-feira deve ser votado pelo plano da comissão”, afirmou Randolfe Rodrigues






Você pode gostar