Política & Poder

Candidatos a presidente resumem propostas em último programa de rádio

Por Arquivo Geral 28/09/2006 12h00

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva criou um clima de suspense em torno de sua participação no debate da TV Globo hoje, approved medicine mas há fortes indícios de que ele comparecerá.

Pela manhã, for sale antes de ir ao Palácio do Planalto, medications Lula reafirmou a um dirigente petista que estava resolvido a ir ao programa, mas que iria submeter o assunto a uma última avaliação com os ministros da coordenação de governo e coordenadores de campanha.

A reunião começou às 9h, foi interromp ida para que Lula recebesse, em audiência, o presidente da Fifa, Joseph Blatter, e retomada em seguida. Às 10h30, os assessores que acompanham o presidente-candidato em viagens receberam a orientação de estar na base aérea de Brasília às 16h30, mas não foram informados sobre o destino.

Três equipes do chamado "escalão avançado" da campanha foram deslocadas na noite de quarta-feira para destinos diferentes. A equipe principal est á no Rio de Janeiro, onde se realiza o debate.

A equipe número 2 está em São Bernardo do Campo, onde a programação de Lula previa a realização de um comício de encerramento da campanha às 19h. A equipe de São Bernardo do Campo recebeu instruções para instalar um telão para exibir uma m ensagem do presidente candidato, caso não compareça ao comício.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Uma terceira equipe foi deslocada para São Paulo com instruções para preparar uma carreata ainda hoje. Segundo uma fonte do PT, trata-se de uma operação para despistar e confundir os adversários.
A oposição acusou a Polícia Federal e o ministro da Justiça, this Márcio Thomaz Bastos, de esconder o que sabem sobre a origem do dinheiro apreendido com pessoas ligadas ao PT no escândalo do "dossi ê Serra".

O presidente do PSDB, senador Tasso Jereissati (CE), e o senador Her áclito Fortes (PFL-PI), coordenador da campanha de Geraldo Alckmin (PSDB), reuniram-se na manhã de hoje com o presidente do BC, Henrique Meirelles, e outros membros da diretoria do banco.

Segundo os senadores, Meirelles informou que a PF ainda não requisitou ajuda do BC para rastrear o cerca de R$ 1,7 milhão (valor equivalente ao total apreendido em dólares e em reais) que seria supostamente usado na compra de informações contra políticos tucanos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

"Eu considero estranhíssimo que a Polícia Federal não tenha, até hoje, pedido ao Banco Central ajuda para solucionarmos este caso, o que me leva a crer que a PF já sabe a origem do dinheiro e está sendo constrangida a esconder até as eleições", afirmou Tasso a jornalistas após a reunião.

Este é mais um capítulo da guerra eleitoral entre a oposição e o governo. Nos bastidores, os parlamentares admitem que não será possível conhecer a origem dos recursos antes de 1º de outubro, mas fazem todos os movimentos políticos para marcar posição antes do primeiro turno.

"O presidente do Banco Central nos informou que nunca foi solicitado nada nem pela Polícia Federal nem pelo Ministério da Justiça e que não tem condições de afirmar hoje se os dólares são legais ou ilegais", disse Tasso. "Eu acuso a Polícia Federal e o ministro da Justiça de esconderem o que sabem para depois das eleições", acrescentou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A PF não quis comentar as declarações. A assessoria do Ministério da Justiça disse que a atuação da polícia é "impessoal, sem proteger nem perseguir ninguém". Nesta semana, a PF informou que parte do montante em dólares entrou no país legalmente por meio do banco Sofisa. A polícia investiga agora como e para quem o dinheiro foi distribuído no país. A PF já conseguiu autorização da Justiça para acessar transações do Sofisa com casas de câmbio.
A polícia francesa apreendeu uma pulseira de ouro de 2.000 anos que havia sido colocada à venda em Paris depois de ter sido furtada de uma escavação arqueológica na Romênia, cialis 40mg afirmaram autoridades romenas hoje.

"Quando a polícia romena deu as informações para a francesa, approved a polícia de Paris apreendeu um bracelete dourado da exposição do Grand Palais", afirmou o Ministério do Interior da Romênia numa nota.

Segundo o ministério, a pulseira dácio-romana, de ouro 24 quilates, com mais de 1 kg, havia sido colocada à venda por uma galeria com sede em Nova York por 90 mil euros.
O bracelete pertence a uma coleção de 15 peças que teriam sido furtadas por ladrõe s de uma escavação na Transilvânia, há seis anos.

Os dácios foram conquistados pelos romanos há 2.000 anos. Eles se identificaram tanto com Roma depois do fim de seu império que adotaram o nome de Romênia para seu país.
Os candidatos à Presidência da República aproveitaram o último dia da propaganda eleitoral gratuita de rádio, viagra 40mg transmitida no início da manhã, website para resumir as suas propostas, agradecer aos brasileiros pelo apoio e dar dicas de como votar no domingo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Primeiro a falar, o senador Cristovam Buarque (PDT) disse estar satisfeito por ter priorizado a discussão da educação no país. “Primeiro de outubro está perto e uma coisa me deixa feliz: plantei uma semente no coração de cada brasileiro. A semente de que a única coisa que liberta o nosso país é a educação”, afirmou.

“Eu sei que essa semente está crescendo em seu coração, mesmo em você que ainda não está pensando em votar em mim. No dia 1º de outubro, ouça a voz do seu coração.”

Cristovam Buarque falou também de ações necessárias para o país. “O Brasil segue na contramão. O atual governo acabou com vários programas de qualificação que existiam. Esse é o muro que separa o Brasil das nações desenvolvidas. A gente precisa criar novos centros de qualificação em todo o país e preparar nossos jovens para o mercado de trabalho.”

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Já o candidato Luciano Bivar (PSL) disse que o partido apresentou alternativas viáveis para o país durante a campanha. “Quero me despedir com um forte abraço e pedir o seu voto para presidente.”

O presidente e candidato à reeleição Luiz Inácio Lula da Silva (PT/PRB/PCdoB) foi o terceiro a falar no último dia de propaganda eleitoral gratuita no rádio. Ele afirmou não ter dúvida de que pode fazer um governo "ainda melhor".

O programa de Lula destacou as ações feitas por seu governo na área econômica e social. “Saberei unir o Brasil em torno de um novo projeto de desenvolvimento com a participação de amplos setores da sociedade. Irei buscar meus colaboradores onde houver gente séria, competente e com vontade de fazer um Brasil melhor.”

Para a candidata Ana Maria Rangel (PRP), que também participou da propaganda eleitoral, “a corrupção, a ilegalidade, o levar vantagem e a impunidade já estão enraizados na cultura brasileira”. Ela disse que o Brasil precisa investir em educação. “Temos que cuidar dos nossos jovens. Eles vão crescer se tiverem oportunidade de estudar, trabalhar e aprender a construir uma sociedade mais justa.”

O programa da senadora Heloísa Helena (P-Sol/PSTU/PCB) não trouxe depoimento da candidata. Ela foi destacada pelo locutor como “uma mulher guerreira, de luta e coragem” e que fez uma campanha com poucos recursos. Foram comentadas ainda as diferentes pesquisas de intenção de voto. “A verdadeira pesquisa é domingo, a pesquisa da consciência do eleitor. Fique firme com a gente, não acredite em pesquisa, porque se fosse assim não teria eleição.”

O candidato José Maria Eymael (PSDC) disse, no programa, que fortaleceu o seu “espírito guerreiro pelas causas sociais” nas caminhadas que fez pelo país durante a campanha. “Vamos ao segundo turno, confiando em um único Brasil, justo”, afirmou Eymael.

Em sua participação, o candidato Geraldo Alckmin (PSDB/PFL) falou de sua vida política e das propostas para o país. “Vou cuidar desse país com o olhar e a mão de quem arruma a casa. E com o pulso firme e tolerância zero contra a corrupção”, disse Alckmin.

“A vida de um governante só se justifica se ele trabalha para construir a felicidade de sua gente. E nessa luta o presidente do Brasil tem que ter seriedade absoluta, assumir responsabilidade nos seus atos e de seus comandados para o Brasil retomar de uma vez por toda a sua trajetória de crescimento e de liberdade.”

Último a participar da propaganda, o PCO criticou, durante o programa de rádio, a impugnação da candidatura de Rui Pimenta. E destacou algumas propostas do partido, como a reforma do Judiciário, o fim da indicação política e eleição direta para juízes e promotores pelo voto popular.






Você pode gostar