Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Política & Poder

Bolsonaro cancela visita à Guiana devido à morte de sua mãe

A visita oficial de Jair Bolsonaro ocorreria nesta sexta-feira (21) e foi cancelada devido à morte da mãe do presidente

Foto: Reprodução

A visita oficial de Jair Bolsonaro nesta sexta-feira (21) à Guiana foi cancelada devido à morte da mãe do presidente, que anunciou seu retorno ao Brasil.

“Com pesar [informo] o passamento da minha querida mãe. Que Deus a acolha em sua infinita bondade. Nesse momento me preparo para retornar ao Brasil”, disse o presidente em uma mensagem publicada no Twitter às 02h34 de Brasília.

Consultada pela AFP, a Presidência não respondeu de imediato se o chefe de Estado já voltou ao país, já que no momento da morte liderava sua primeira viagem internacional de 2022 a Suriname e Guiana.

Olinda Bonturi Bolsonaro morreu nesta sexta-feira aos 94 anos. As causas da morte ainda não foram reveladas.

Ela estava internada desde segunda-feira em um hospital do município de Registro, no interior de São Paulo, a 56 quilômetros de Eldorado, onde vivia.

Casada com o dentista Percy Geraldo Bolsonaro, falecido em 1995, Olinda teve sete filhos, sendo Jair o terceiro deles.

O presidente, de 66 anos, visitou Paramaribo na quinta-feira e planejava um encontro oficial em Georgetown nesta sexta para impulsionar a cooperação energética e fortalecer as relações bilaterais, segundo o ministério das Relações Exteriores.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Além de se solidarizar com o presidente, o governo da Guiana informou mais tarde que o encontro foi cancelado, sem especificar se será reprogramado.

Agencia France Press








Você pode gostar