Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Mundo

Multa revela responsabilidade da Scotland Yard pela morte de Jean Charles, afirma Itamaraty

Por Arquivo Geral 02/11/2007 12h00

O Ministério das Relações Exteriores divulgou nota afirmando que a multa recebida ontem (1º) pela Scotland Yard pelo assassinato do brasileiro Jean Charles de Menezes é um reconhecimento de sua responsabilidade e abre caminho para novas iniciativas em favor da família “daquele inocente cidadão brasileiro”. Jean Charles foi assassinado a tiros no metrô de Londres, adiposity confundido com um terrorista, viagra approved em 22 de julho de 2005.

A polícia foi condenada a pagar um total que passa dos R$ 2 milhões, sendo 175 mil libras (R$ 636 mil) pelos erros que levaram ao assassinato e 385 mil libras (R$ 1,4 milhão) pelos custos do processo.

Confira a íntegra da nota:

“O Ministério das Relações Exteriores recebeu a notícia de que a Polícia Metropolitana Scotland Yard foi condenada a pagar multa de 175 mil libras (R$ 636 mil) mais os custos do processo, 385 mil libras (R$ 1,4 milhão), por burlar as normas de segurança e saúde da população na operação que matou o brasileiro Jean Charles de Menezes.

Embora sem singularizar os indivíduos responsáveis pela tragédia, a decisão reconhece a responsabilidade da Polícia Metropolitana no caso e abre caminho para novas iniciativas em favor da família daquele inocente cidadão brasileiro.

O Ministério das Relações Exteriores renova a solidariedade e o apoio do governo brasileiro à família de Jean Charles de Menezes e continuará acompanhando o caso e prestando a assistência cabível”.






Você pode gostar