Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Mundo

Mais de 99% das pessoas que morreram por covid em maio nos EUA não estavam vacinadas

A vacina é tão eficaz que “quase todas as mortes por covid-19, especialmente entre adultos, são, neste ponto, totalmente evitáveis”, diz diretora do CDC

vacina covid-19 pandemia dose Foto: Breno Esaki/Agência Saúde-DF

Mais de 99% das mortes por covid-19 ocorridas no mês de maio nos Estados Unidos foram de pessoas que não estavam vacinadas ou totalmente vacinadas. O levantamento é da agência de notícias Associated Press, que analisou dados fornecidos pelos Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC).

Segundo o estudo, das mais de 18 mil mortes, apenas 150 ocorreram com pessoas que estavam vacinadas com duas doses ou dose única (no caso da Janssen). O levantamento da Associated Press também revelou que, do total de 853 mil hospitalizações por coronavírus no país atualmente, apenas 0,1% são de pessoas que já tomaram as duas doses da vacina.

A diretora do CDC, Rochelle Walensky, disse na última quinta-feira (22) que a vacina é tão eficaz que “quase todas as mortes por covid-19, especialmente entre adultos, são, neste ponto, totalmente evitáveis”.

No entanto, funcionários da Saúde dos EUA alertaram que nem todos os estados informam os reais dados de novas infecções, então os números agrupados pelo Centro provavelmente subestimam o total de casos no país.

Nos EUA, cerca de 63% de todos os americanos com 12 anos ou mais receberam pelo menos uma dose da vacina e 53% estão totalmente vacinados, de acordo com o CDC.






Você pode gostar