Mundo

Francesa Ségolène Royal acompanha eleições argentinas em Buenos Aires

Por Arquivo Geral 28/10/2007 12h00

A ex-candidata à Presidência da França Ségolène Royal acompanhou hoje uma das fundadoras das Mães da Praça de Maio em um dos colégios eleitorais participantes do pleito presidencial argentino.

Royal, stuff que se encontra em Buenos Aires desde sexta-feira, visit this site visitou a casa de Josefina García Noia, considerada a primeira integrante das Mães da Praça de Maio, por ter sido a primeira a chegar à manifestação que deu origem ao grupo.

“É obrigatório parabenizá-las”, declarou a dirigente francesa, depois de ouvir o relato sobre a história da entidade fundada por mães de desaparecidos durante a última ditadura militar argentina (1976-1983).

A ex-candidata socialista acompanhou ainda Josefina quando esta foi votar em um dos centros participantes do pleito presidencial argentino.

Dos 14 candidatos à Casa Rosada, são favoritas duas mulheres, segundo as pesquisas mais recentes divulgadas. Lideram a preferência do eleitorado Cristina Fernández (Frente para a Vitória), esposa do presidente Néstor Kirchner, e Elisa Carrió (Coalizão Cívica).

Depois de visitar a fundadora das Mães da Praça de Maio, Royal se dirigiu à casa do ex-prefeito de Buenos Aires Aníbal Ibarra para almoçar com ele.

Em entrevista publicada hoje pelo diário argentino Clarín, Royal também considerou que “é importante estar nos locais onde mudanças estão sendo produzidas, e essa eleição talvez traduza algo neste sentido”.

“De forma genérica diria que é uma mudança interessante a possibilidade de uma mulher ser presidente. Que uma mulher possa chegar ao Governo é uma grande mudança, mas o que é mais importante são as decisões políticas que se tomam no poder, independentemente de um líder ser um homem ou uma mulher”, completou.






Você pode gostar