Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasil

Morte de Lázaro Barbosa completa um ano

Segundo as investigações, o homem de 32 anos matou quatro pessoas de uma família em Ceilândia-DF, fugiu e se escondeu por um longo período

Por Camila Bairros 28/06/2022 10h09
Foto: Divulgação/ Polícia Civil de Goiás

Foram 20 dias de incessantes buscas até que Lázaro Barbosa foi encontrado e morto. Hoje (28), completa um ano da conclusão do caso que parou o DF e o Goiás em junho de 2021. Segundo as investigações, o homem de 32 anos matou quatro pessoas de uma família em Ceilândia-DF, fugiu e se escondeu por um longo período.

Durante o período em que passou escondido, Lázaro contou com ajuda de familiares e de um fazendeiro, invadiu residências e fez outras pessoas de refém. Uma força-tarefa de 200 homens foi montada para encontrar o fugitivo.

Até que, no dia 28 de junho de 2021, após uma longa operação, os policiais de Águas Lindas de Goiás entraram em confronto com Lázaro, que acabou morrendo baleado. Segundo o delegado da cidade, Cleber Martins, em razão da morte dele, as investigações sobre os crimes cometidos foram encerradas.

Parentes da família assassinada por Lázaro Barbosa ainda no primeiro dia do caso seguem buscando respostas da Justiça para entender o que aconteceu. No começo do mês, o irmão da Cleonice, uma das vítimas, foi chamado para audiência na Promotoria de Justiça de Ceilândia, em que o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) convocou a Polícia Civil para prestar esclarecimentos. O caso segue em sigilo.








Você pode gostar