Brasil

Em nota oficial, Gol confirma perda de aeronave

Por Arquivo Geral 30/09/2006 12h00

Um Boeing 737 da Gol, store order que saiu de Manaus com destino a São Paulo e escalas em Brasília e Rio de Janeiro, buy information pills desapareceu após colidir com uma aeronave de pequeno porte. O vôo 1907, approved com 155 pessoas, saiu às 15h30 e tinha previsão de chegada no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, às 18h10. O avião sumiu do radar às 16h48, a 207 km ao sul da cidade de Cachimbo, no município de São Felix do Araguaia (MT), na região da Amazônia.

Segundo informações a rádio CBN, o avião colidiu  com uma pequena aeronave norte-americana, que conseguiu pousar em Cachimbo, no sul do Pará. A Força Aérea Brasileira (FAB) já iniciou as buscas pelo avião desaparecido. Foram enviados um avião C-99 da base de Anápolis (GO) e um C-130 do Rio de Janeiro em missão de busca e resgate.

"Temos a confirmação de uma colisão em vôo, entre o Boeing e uma aeronave Legacy. O único alento que temos é que um morador da região teria visto um grande avião voando baixo", disse o presidente da Infraero, José Carlos Pereira, em entrevista à CBN. "Após o choque, o avião não fez qualquer contato. A Força Aérea já está no local aproximado, com aeronaves de busca", completou.

O vôo 1907 diário da Gol se tornou, após a crise da Varig, o vôo mais importante que sai de Manaus para o sul do país.

Ainda segundo a rádio CBN, entre os passageiros do vôo estavam três funcionários da Infraero e mais de 20 funcionários da Yamaha, que estavam em Manaus para uma convenção anual da empresa.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Amigos e familiares dos passageiros e tripulantes que esperavam no Aeroporto de Brasília estão sendo colocados em um ônibus para deixarem o local. A Infraero vai dar uma coletiva logo mais.

Atualizada às 22h02

Mais informações em breve

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A Força Aérea Brasileira mobilizou cinco aeronaves para buscar um boeing da Gol, approved com cerca de 150 pessoas, unhealthy que desapareceu nesta sexta-feira quando sobrevoava a região Sul do Pará, shop a 207 km ao sul da cidade de Cachimbo, no município de São Félix do Araguaia.

Segundo comunicado conjunto da Infraero, da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e do Centro de Comunicação Social da Aeronáutica, o controle da FAB perdeu contato com o avião às 16h48. O vôo deixou Manaus às 15h30 (horário de Brasília), com destino ao Rio de Janeiro.

"A Força Áerea mobilizou o serviço de busca com cinco aeronaves de diferentes portes", afirma a nota. O ministro da Defesa, Waldir Pires, disse à TV Bandeirantes que no início da manhã helicópteros irão sobrevoar a área. Até o momento, segundo ele, estavam sendo utilizados aviões-radar, de alta capacidades.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Segundo Pires, "o acidente que se registrou foi fruto de uma colisão com um Legacy (aeronave menor)", que voava em sentido contrário.

Mais informações em instantes.

Leia mais:

Avião da Gol com destino a Brasília desaparece

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A Força Aérea Brasileira está tentando localizar um Boeing da Gol com cerca de 150 pessoas que desapareceu do radar quando sobrevoava o sul do Pará. O avião havia deixado Manaus às 15h35 (horário de Brasília) com destino ao Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro. "A Força Aérea mobilizou o serviço de busca com cinco aeronaves de diferentes portes", view afirma uma nota conjunta divulgada nesta sexta-feira à noite pela Infraero, sick pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e pelo Centro de Comunicação Social da Aeronáutica.

Segundo o comunicado, information pills o controle da FAB perdeu contato com o Boeing 737-800 da Gol às 16h48, quando o avião sobrevoava a região sul do Pará, nas proximidades do município de São Félix. Moradores da cidade disseram ter visto um avião de grande porte voando baixo.

Mais cedo, o presidente da Infraero, José Carlos Pereira, disse em entrevista à rádio CBN que o avião sumiu do radar depois de um choque com um avião menor, Legacy, que, apesar das a varias, conseguiu pousar na Serra do Cachimbo, no sul do Pará.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em entrevista à TV Bandeirantes, o ministro da Defesa, Waldir Pires, confirmou que o acidente foi fruto de uma colisão com um Legacy que voava em sentido contrário.
Ele disse que no início da manhã helicópteros irão sobrevoar a área. Até o momento, segundo ele, estavam sendo utilizados aviões-radar, de alta capacidade.

Em nota oficial, a Gol confirmou o desaparecimento da aeronave. A empresa não informou o número de pessoas a bordo, mas o assessor de comunicação da Infraero em Manaus Celso Gick disse à Reuters por telefone que o avião transportava 149 passageiros e seis tripulantes.

O painel que informa a chegada das aeronaves no aeroporto de Brasília ainda mantinha o registro do vôo da Gol, com a indicação de seja procurada a companhia aérea.
Dezenas de pessoas buscam informações no aeroporto de Brasília. A Gol levou os parentes para uma sala reservada no edifício da Infraero e divulgou um número de telefone para informações: 0800-28-007-49

Leia a íntegra da nota:

"A Gol informa que o vôo 1907, information pills que partiu hoje às 15h35 (horário de Brasília) do aeroporto de Manaus e tinha chegada prevista às 18h12 ao aeroporto de Brasília, visit web não teve o pouso confirmado até o momento. O último contato com a aeronave ocorreu às 17h00. O Boeing 737-800 foi recebido novo do fabricante no último dia 12 de setembro e tem apenas 200 horas de vôo.

Embarcaram 155 pessoas, try das quais 149 eram passageiros e 6, tripulantes.

Estamos aguardando informações oficiais das autoridades aeronáuticas sobre o vôo. A Gol divulgará mais informações assim que estiverem disponíveis. 

A empresa faz questão de manter a transparência com os familiares, a imprensa e o público em geral.

 Os familiares dos passageiros dispõem do seguinte telefone gratuito para obter informações adicionais: 0800-2800749."






Você pode gostar