Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasil

Butantan entrega mais 1,5 milhão de vacinas ao Ministério

Instituto prevê que conseguirá entregar todas as 100 milhões de doses previstas ao PNI com um mês de antecedência

Foto: Reuters

O Instituto Butantan entrega, nesta segunda-feira (26), mais 1,5 milhão de vacinas contra a covid-19 ao Ministério da Saúde, através do Programa Nacional de Imunizações (PNI). O imunizante entregue será o Coronavac, produzido pelo Butantan em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac Biotech.

O Butantan tem contrato com o Ministério que prevê a entrega de 100 milhões de doses até setembro. O instituto prevê que conseguirá entregar o montante até o dia 30 de agosto, um mês antes do prazo máximo.

O secretário de Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn, afirmou em coletiva de imprensa que o estado espera começar a vacinar pessoas entre 12 a 17 anos de idade até o dia 23 de agosto. Atualmente, já foram vacinados 34,5 milhões de pessoas, o que corresponde a 56% de toda a população.

Na sexta (23), o Ministério recebeu 3,8 milhões de doses da vacina AstraZeneca entregues pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Além dessas, mais 4 milhões foram produzidas pelo Instituto Serum, na Índia. Essas doses foram importadas prontas do país, mas tiveram que passar pela Fiocruz para checagem. O número de doses previstas para serem entregues pela Fiocruz é de pouco mais de 100 milhões.

Na semana passada, o Brasil recebeu mais de 1 milhão de doses de imunizantes da AstraZeneca, entregues pelo consórcio Covax Facility, iniciativa global que é composto por quase 200 nações.






Você pode gostar