fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Mulher que teve pernas amputadas pede ajuda para comprar cadeira de rodas especial

Ela teve as pernas amputadas por conta da diabetes. O marido, com quem ela vivia há 14 anos, a abandonou há 12 dias 

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Da redação
redacao@grupojbr.com

Uma mulher de 46 anos que precisou amputar as duas pernas por conta da diabetes pede ajuda para conseguir uma cadeira de rodas especial, pois já sofreu acidentes com a dela. Suelma Carvalho da Silva Fernandes recebe um salário mínimo e mora só com o filho de 13 anos, desde que foi abandonada pelo marido. 

Além da cadeira, Suelma precisa de ajuda com alimentação e fraldas, já que gasta cerca de R$ 300 com remédios por mês. A única renda que ela tem, é o benefício que recebe, no valor de um salário mínimo. 

A amputação das pernas dela, aconteceu há sete meses. Por conta da gravidade, foi preciso amputar as duas pernas, acima dos joelhos. Ela. que trabalhava como bordadeira, conta que isso ocorreu por causa da associação da diabetes com o sedentarismo. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Suelma conta ainda que, o companheiro, que vivia com ela há 14 anos, saiu de casa há 12 dias. Além do filho adolescente que mora com ela, ela tem outros dois filhos, uma mulher de 30 anos e um de 26 anos, que não vivem com ela. Pela manhã, uma amiga de Suelma a ajuda com os afazeres, enquanto o filho mais novo está na escola. 

A pensionista diz que espera conseguir voltar a bordar para conseguir melhorar um pouco a renda, mas afirma que no momento não é possível, pois ela não tem dinheiro para comprar os materiais necessários para fazer o bordado. 

Suelma vive em Goiânia-GO. 


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade