fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Mulher que denunciou PM por estupro afirma que foi imobilizada dentro do apartamento

Suspeito afirmou que queria falar a respeito da ocorrência que havia ocorrido na semana passada, quando um vizinho chamou a polícia por causa de uma briga no edifício

Avatar

Publicado

em

Foto: Reprodução
PUBLICIDADE

Uma moradora de Copacabana, na Zona Sul do Rio, denunciou que foi estuprada por um policial que havia atendido uma ocorrência no prédio dela na semana anterior. O estupro ocorreu na segunda-feira (24). O agente teria imobilizado a vítima assim que entrou no apartamento dela.

Segundo a vítima, o policial foi até o prédio e pediu que o porteiro a avisasse que ele precisava falar com ela. O homem afirmou que queria falar a respeito da ocorrência que havia ocorrido na semana passada, quando um vizinho chamou a polícia por causa de uma briga no edifício. Com isso, a moradora permitiu o que homem subisse. Segundo ela, o policial a imobilizou no instante em que entrou no apartamento.

Imagens de câmeras de segurança do prédio mostram o policial entrando no elevador do prédio da vítima no dia 24, dia em que a moradora diz que o crime aconteceu.

A PM abriu um Inquérito Policial Militar para apurar a denúncia de estupro. O policial está afastado das ruas e realiza apenas atividades administrativas. A Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) afirmou que está acompanhando o caso.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade