fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Motorista de aplicativo é morta a facadas dentro de carro; ex é principal suspeito

Agressor teria desferido cerca de 10 golpes de faca contra a vítima, que morreu no local

Avatar

Publicado

em

Foto: Reprodução/Redes sociais
PUBLICIDADE

A motorista de aplicativo Jennifer Kubiaki Graboski, de 25 anos, foi morta a facadas dentro de um carro, na terça-feira (23). De acordo com as investigações da polícia local, Richard Adriano, ex-companheiro da vítima, é o principal suspeito do crime.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, Richard utilizou uma moto para seguir Jennifer, que conduzia um carro. Quando o veículo parou, o suspeito entrou no automóvel pelo banco do carona. Os dois iniciaram uma discussão, quando o agressor teria desferido cerca de 10 golpes de faca contra a vítima. De acordo com a a perícia, as perfurações atingiram o tórax de Jenifer, que morreu no local. O crime ocorreu em Guaíba, no Rio Grande do Sul.

O agressor fugiu com a mesma moto que utilizou na perseguição e deixou a faca e o capacete no local do crime. A vítima morreu antes da chegada das equipes de socorro. A polícia trabalha com a hipótese de que o suspeito possa ter cometido suicídio ou se escondido. A moto utilizada por ele foi encontrada em uma ponte na BR-116.

Após o término do relacionamento, que durou  três anos, Jenifer conseguiu obter uma medida protetiva contra o ex, já que ele teria agredido ela enquanto estavam juntos. O caso foi registrado como feminicídio.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade