fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Médicos chineses ficam com pele escura após tratamento contra o coronavírus

Profissionais foram diagnosticados com coronavírus no dia 18 de janeiro

Avatar

Publicado

em

Foto: Reprodução
PUBLICIDADE

Dois médico chineses, que atuavam na cidade de Wuhan-China, ficaram com a pele do rosto escura após realizarem um tratamento para a Covid-19. A pele do restante do corpo não foi alterada.

Wuhan foi o primeiro epicentro da pandemia. A imprensa local informou que Yi Fan e Hu Weifeng, ambos de 42 anos, foram diagnosticados com coronavírus no dia 18 de janeiro. Os dois trabalhavam no Hospital Central de Wuhan e foram transferidos para o Hospital Pulmonar de Wuhan, depois que o quadro clínico deles se agravou.

Profissionais de saúde informaram que a mudança na cor da pele ocorreu devido a um desequilíbrio hormonal. A maior suspeita é de que a mudança na pele seja efeito da utilização de um medicamento, logo no início do tratamento.

O medico  Li Shusheng espera que a cor habitual da pele dos médicos retorne quando as funções hepáticas se estabilizarem. Ele ressaltou que um dos efeitos colaterais da droga usada para o tratamento dos médicos é o escurecimento da cor da pele.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade