fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Jovem é preso por ajudar namorada, de 15 anos, a esfaquear colega, de 14

Segundo delegado, rapaz confessou ter assistido companheira assassinar estudante.

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Nesta segunda-feira (16), um jovem, de 19 anos, suspeito de participação na morte da estudante Emanuelle Souza Batista, de 14 anos, assassinada por uma amiga, de 15 anos, após receber 35 facadas na cidade de Rio Verde, no sudoeste de Goiás.

Segundo o delegado Danilo Fabiano, responsável pela investigação, o jovem é namorado da suspeita, que está apreendida. 

“Nós temos informações e provas de que ele e a autora foram até a mata um dia antes. No dia seguinte, o maior vai antes para a mata e aguarda a autora, que atrai a vítima, ocasião em que ocorre o assassinato”, disse.

De acordo com o delegado, a investigação apontou que o rapaz segurava a vítima para que a namorada esfaqueasse a adolescente. 

“Há um indicativo muito forte, apesar de ele não confessar isso. Ele confessa que estava na mata no momento do crime e que, depois que ele assistiu a namorada matando a menor, ele também a ajudou a enterrar o celular e a faca, então está bem evidente a participação dele”, explicou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O jovem deve responder por homicídio qualificado e corrupção de menores e foi encaminhado à Casa de Prisão Provisória (CPP). 

A apreensão da adolescente ocorreu no dia 10 deste mês e ela confessou a ação. A Justiça, então, decretou 45 dias para a adolescente. 

De acordo com a adolescente o crime ocorreu por desavenças nas redes sociais. 

A família da vítima tinha registrado o desaparecimento de Emanuelle em 14 de janeiro. O corpo foi encontrado queimado após dois dias de busca. A vítima e a suspeita frequentavam a mesma escola.


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade