Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Fluminense entra na Justiça contra jornalista que chamou o time de “Tapetense” e perde

O caso foi julgado na 2ª Vara Cível de São Paulo, que negou o pedido do clube

Em março de 2017, o Fluminense entrou com um processo na justiça contra o jornalista Paulo Cezar de Andrade Prado, do Blog do Paulinho. De acordo com a ESPN Brasil, o jornalista criticou o clube carioca em um texto.

Paulo chamou o time de “tapetense”, uma junção de “tapetão”, termo usado para virada de mesa no futebol, e Fluminense. Na época, a crítica foi referente à subida do clube da Série C para a Série A e o rebaixamento da Portuguesa após decisão do Supremo Tribunal de Justiça Desportiva.

De acordo com o portal, o time pediu reparação por danos morais no valor de R$ 50 mil. O caso foi parar na 2ª Vara Cível de São Paulo e foi julgado por Tom Alexandre Brandão, que não aceitou o pedido do clube, negou a indenização e pediu a remoção da publicação.

O Fluminense já recorreu da sentença e aguarda nova decisão da Justiça.

 

Publicidade
Publicidade
  • CHARGE DO DIA