Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

É preso homem suspeito de matar e concretar mulher em obra

O homem confessou o crime e disse ter usado drogas durante a noite e a madrugada do dia que aconteceu a morte. A vítima ainda não foi identificada

Publicado

em

Publicidade

Aline Rocha
redacao@grupojbr.com

Na última sexta-feira (12) um homem suspeito de matar uma mulher e concretar o corpo dela em obra no Espírito Santo foi preso em Minas Gerais. Lucas Raphael dos Santos, de 33 anos, confessou o crime. O corpo foi encontrado na última quarta-feira (10), estava sem documentos e ainda não foi identificado. ,

A polícia divulgou que ela tem tatuagens, sendo uma estrela de Davi na panturrilha esquerda e outra na panturrilha direita, composta por um coração, uma âncora, um laço de fita cor de rosa e a palavra Jesus

A equipe da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Mulher (DHPM) encontrou o suspeito em um abrigo para egressos do sistema prisional em Belo Horizonte. A Justiça do Espírito Santo expediu um mandado de prisão temporária contra ele e policiais da DHPM foram até lá para dar cumprimento.

Lucas confessou o crime e afirmou ter usado drogas entre o dia 5 e 6 de abril e, durante a madrugada, encontrou a vítima, que conhecia apenas por apelido. Ele disse que a convidou para ir até a obra para usarem mais drogas e, após uma discussão por causa de R$ 50, ela começou a gritar por socorro e ele apertou o pescoço dela.

A mulher perdeu os sentidos e, como ele pensou que ela estava morta, decidiu esconder o corpo. Com isso, ele a deixou cair e ela bateu a cabeça, que foi a causa da morte. O corpo foi levado para os fundos da obra e concretado na parede.


Você pode gostar
Publicidade