Jornal de Brasília

Informação e Opinião

JBr News

Lula põe o dedo na ferida das superpotências

Em seu discurso, Lula inverteu o jogo. Disse que o Brasil faz sua parte no esforço de preservação e apontou o dedo para as superpotências

Por Jeferson Legal 01/12/2023 11h11
Lula Na COP 28

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez um duro discurso na abertura da Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas, a COP28, em Dubai, nos Emirados Árabes. Dono da maior parte da floresta amazônica, apelidada de “pulmão do mundo”, o Brasil é muito preservado pelas demais nações do planeta no que se refere à preservação do planeta.

Em seu discurso, Lula inverteu o jogo. Disse que o Brasil faz sua parte no esforço de preservação. Mas apontou o dedo para as superpotências, que não cumprem com os tratados internacionais que são discutidos em conferências como a COP.

Qual a poluição produzida pelas guerras que as superpotências fomentam? Pelos mísseis e armas que elas produzem? O início da COP28, o papel do Brasil e o discurso de Lula são o tema do JBrNews de hoje. Com Alexandre Jardim e Rudolfo Lago.






Você pode gostar