Siga o Jornal de Brasília

Gastronomia

Dia dos Namorados pede vinho, a mais romântica das bebidas

Confira a seleção para comemorar com o seu par em grande estilo, sem desembolsar uma fortuna

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

O dia mais romântico do ano está chegando e claro que você vai querer comemorar com o seu mozão essa data especial, né?

Seja comprando um presente ou preparando aquele jantarzinho a luz de velas, lembre-se do vinho. A mais romântica das bebidas ser um belo regalo para o seu amor ou acompanhar perfeitamente o prato escolhido para a ocasião.

E como vivemos numa época de cuidados com o bolso, as importadoras Porto a Porto e Casa Flora selecionaram rótulos de bom custo benefício para que a data não comprometa o seu orçamento.

Ah, se você não tem um amor para chamar de seu, então convide os amigos para uma resenha e divirta-se.

Confira os rótulos:

 

Espumante Cava Don Román Rosé (R$ 45)

Vai comemorar o 12 de junho apreciando a culinária asiática? Então experimente esta cava espanhola rosé, elaborada pelo método tradicional na região de Penedès, na Catalunha. Os aromas desse espumante da Marqués de Tomares remetem a frutas vermelhas maduras. No entanto, seu paladar é seco, fresco e elegante. Também vai bem sozinho.

 

Espumante 3B Rosé (R$ 65)

Esse espumante da região da Bairrada leva a assinatura da renomada enóloga portuguesa Filipa Pato. Produzido com as uvas Bical e Baga, típicas do local, mostra frutas frescas e cítricas, além de uma certa mineralidade, na análise olfativa. Na boca é bastante elegante e equilibrado. Vai bem sozinho ou com frutos do mar.

 

Monasterio de San Prudêncio branco

Esse branco espanhol é elaborado na região da Rioja, com Viúra, a uva branca mais popular da Espanha e também conhecida como Macabeo. Suas notas lembram frutas brancas frescas como maçã. Na boca, pode-se sentir um toque seco, boa acidez e corpo delicado. É um vinho refrescante, para ser degustado sozinho ou com embutidos leves.

 

Nederburg Rosé (R$ 45)

Elaborado com Cabernet Sauvignon, Merlot, Pinotage e Shiraz, esse rótulo tem como casa a África do Sul. Sua acidez e os aromas de frutas vermelhas frescas lhe credenciam a acompanhar bem salmão defumado, saladas de verão e pratos sem carne.

 

Reguengos Reserva DOC Tinto (R$ 58)

Uvas clássicas do Alentejo, a Alicante Bouschet, a Aragonês e a Trincadeira compõem esse vinho que amadurece 12 meses em barricas e mais seis meses em garrafas antes de chegar ao mercado. Especiarias, passas e baunilha marcam o seu aroma, enquanto taninos suaves, corpo médio e o final prolongado se revelam na boca. Acompanha carnes como cordeiro e suína, assim como queijos curados.

Marqués de Tomares Excellence (R$ 52)

A composição de 90% Tempranillo e 10% Graciano dá ao vinho uma cor rubi intensa e um aroma bastante frutado com notas minerais e de especiarias que caracterizam o terroir da Rioja. Antes de ser vendido, passa por 3 meses em carvalho americano e outros três na adega. Tem boa estrutura e persistência.  Vai bem com paella com base de carnes e embutidos.

 

Luccarelli Negroamaro IGP (R$ 69)

Para aqueles que gostam dos vinhos mais quentes do sul da Itália, a sugestão é esse exemplar do reconhecido produtor Luccarelli, com a uva Negroamaro. Seus aromas lembram frutas vermelhas e ervas e em boca é seco, com taninos finos e final longo. Ótima escolha para massas com molhos intensos.

Château Reynon tinto (R$ 120)

Para os amantes de vinhos franceses, a sugestão é o Châteay Reynon, da Domaine Denis Dubourdieu. Elaborado na célebre região de Bordeaux, é um exemplar elegante e aveludado com preço justo. Aposta certa para acompanhar carnes vermelhas suculentas, molhos fortes e queijos maturados.

Todos os vinhos podem ser encontrados nas lojas da SuperAdega, em Brasília.

 

 


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade