Jornal de Brasília

Informação e Opinião

JBr Pets

Mercado sem crise: com alta de 13,5% em ano de pandemia, o setor pet crescerá mais em 2021

Aplicativo +Pet fornece serviços para o empresário do ramo e ajuda a aquecer o mercado

Mercado sem crise: com alta de 13,5% em ano de pandemia, o setor pet crescerá mais em 2021

Em 2020, ano em que a economia brasileira encolheu pelo menos 4% e diferentes atividades econômicas amargaram perdas expressivas, o setor pet teve um crescimento estimado de 13,5% em relação a 2019, com faturamento acima dos R$ 40 bilhões.

Pra se ter uma ideia, a região Centro-Oeste concentra 7,2% da população de animais de estimação do Brasil. Juntos, Goiás, Distrito Federal, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul somam mais de 8 milhões de cães, gatos, peixes ornamentais e aves canoras.

Nesses Estados estão instaladas 3.375 lojas de produtos pet e 358 clínicas especializadas. A região responde por 9,5% do faturamento nacional e 10% da produção de rações. Os dados são do Instituto Pet Brasil (IPB).

Sozinho, o Estado de Goiás concentra 3% da população pet brasileira e lidera na região Centro-Oeste. São mais de 2,2 milhões de cães, 693 mil gatos e 1,1 milhão de peixes e aves canoras. O Estado conta com 2 mil lojas que vendem ração e acessórios para pets e 206 clínicas especializadas. O Mato Grosso vem em segundo lugar no Centro-Oeste, com 810 lojas e 65 clínicas e 1,7% da população pet brasileira (são 1,3 milhão de cães, 478 mil gatos e 633 peixes ornamentais e aves canoras).

Os 867 mil cães, 382 mil gatos e 625 mil peixes ornamentais e aves canoras fazem do Estado do Mato Grosso do Sul o terceiro maior em número de pets no Centro-Oeste. A população total de mais de 1,8 milhão de pets corresponde a 1,4% de todo o Brasil. No Estado estão instaladas ainda 565 lojas e 87 clínicas especializadas.

Berço da capital da política do país, o Distrito Federal representa 1,1% da população pet brasileira, já que abriga 650 mil cães, 191 mil gatos e 627 mil peixes ornamentais e aves canoras.

Mercado online aquecido

Lançado em 2020, o aplicativo + Pet é uma mão na roda nos cuidados com os bichinhos. A plataforma disponibiliza agenda, controle de carteirinha de vacinação e ainda a opção de adotar ou comprar um bichinho. O download é gratuito.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“O aplicativo já tem mais de 100 mil downloads e está disponível nas plataformas IOS e Android. Após se cadastrar, o usuário tem a opção de colocar a foto do bichinho e salvar a data de nascimento dele. O acesso é bem simples, sem nenhuma dificuldade. Até por conta disso, os idosos adoram e já incluíram o aplicativo na rotina”, explica desenvolvedor do aplicativo Fernando Hoffmeister.

Na aba “agenda”, o dono consegue gerenciar tudo sobre o pet. É possível determinar datas e horários para atividades como: passeios, alimentação, banhos e medicamentos. Além disso, existe a possibilidade de cadastrar as vacinas que o animal recebeu, facilitando a vida do usuário e o bem estar do bichinho.

Além da agenda, o aplicativo + Pet manda lembretes para o usuário sem que ele abra a plataforma, auxiliando nos compromissos sem esquecimento. O dono também tem a opção de compartilhar toda a rotina do animal com outra pessoa.

“Além de facilitar a rotina do usuário a não esquecer os compromissos, também o ajudamos a encontrar clinicas, serviços de petshop e até petwalker. Tudo de acordo com a localização. E o melhor: é tudo de graça “, explica.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Parceria com empresários

Além dos cuidados pessoais, o aplicativo também disponibiliza uma parceria com empresários: o Pet Service. Para participar é simples: baixe o aplicativo – compartilhe e venda serviços pet e receba uma comissão de até 80% na venda. “A plataforma conecta o dono do pet com o empresário”, explica Fernando.

O usuário também pode receber cashback, ser um driver +pet e receber por cada corrida e passeio.

Meu animal ideal

Já nessa opção, os pais de pets podem encontrar um novo animal. Caso o usuário queira comprar um bichinho, a plataforma disponibiliza uma lista de criadores – que trabalham com responsabilidade e ética.

Caso a necessidade seja de adoção, o aplicativo disponibiliza uma lista de anúncios, de acordo com a localização do usuário

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar