Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Blogs e Colunas

Jantares imperdíveis para fãs de cozinha autoral

O B Hotel e o Brasis Ateliê Gastronômico promovem eventos exclusivos nesta semana

Por Max Cajé 07/11/2023 11h11
Brasis Ateliê Gastronômico. Foto: Divulgação

Apesar do pouco tempo de casa, o chef paranaense Lenin Palhano já mostrou a que veio à frente da gastronomia do B Hotel. Após o upgrade nas receitas que compõem o cardápio, ele agora participa do seu primeiro “Chefs no B”, projeto criado para receber cozinheiros convidados a criarem um menu exclusivo e pontual no hotel.

Para a sua primeira edição (a quarta do evento), Lenin receberá o premiado chef Onildo Rocha, paraibano que vem conquistando paladares na capital paulista no comando do Notiê, no Espaço Priceless (São Paulo).

A dupla promoverá duas ações, que acontecerão no Bar 16 e no restaurante Térreo. No rooftop, nesta quarta-feira (8), os clientes e hóspedes terão entradas assinadas por cada um: Ostras Cambuci do chef Onildo; e a Barriga dry rub com caldo de porco de Lenin Palhano, pelo valor de R$ 80 para cada opção.

Já na quinta-feira (9), o Térreo ganha um menu de quatro passos composto por dois snacks, uma entrada, dois pratos principais e uma sobremesa.

Para começar: Kafta de camarão rosa na brasa com demi-glace e bisque e Coxinha de siri com ovas, feita com massa de batata, siri cremoso e creme de ovas. Em seguida, o chef Onildo apresenta Cubos de melão infusionados em azeite, leite de amendoim, óleo de rúcula e Bottarga.

Os dois pratos principais serão com proteínas do mar e da terra, sendo o primeiro o mini arroz de Pindamonhangaba cozido no caldo do polvo, finalizado com tentáculo de polvo na brasa e trevinho, criado pelo chef convidado, e o segundo um denver grelhado, com batata rústica e caldo de rabada com marsala, do chef executivo da gastronomia do B Hotel. Lenin também encerra a noite com um mil-folhas com creme de baunilha do cerrado e morango em calda de lima kaffir. O menu custa R$ 270, sem serviço e bebidas.

Ainda nesta semana, o Brasis, que tem cadeira cativa na minha lista de melhores restaurantes contemporâneos da cidade, fará um jantar com menu às cegas, com cinco etapas, no próximo sábado (11), por R$ 228.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Com perdão do trocadilho, mas a cozinha da chef Di Oliveira é daquelas em que confio de olhos fechados sempre. O que ela faz com ingredientes brasileiros (principalmente do Cerrado) nas receitas autorais da casa é de uma criatividade e critério de execução que não se encontra facilmente dentro e fora do Distrito Federal.

Oliveira já tem o costume de fazer cardápio às cegas rotineiramente, sob reserva, em um formato diferente para clientes que buscam uma experiência exclusiva. Eles chegam à casa, batem um papo com a chef sobre expectativas, memórias afetivas, lugares e sabores que os marcaram e, a partir da conversa, Di cria na hora o menu.

Brasis. Foto: Divulgação

No sábado (11), a ideia é surpreender aqueles que já conhecem o Brasis e conquistar os amantes de boa comida que tenham dormido no ponto e ainda não conhecem o charmoso restaurante no Lago Oeste. As vagas são limitadas e as reservas podem ser feitas pelo WhatsApp (61) 99446-2540.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar