Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Entretenimento

Polícia diz que ator que fez o Cabeção em ‘Malhação’ estava em cárcere privado em clínica; ator nega

Segundo Sérgio, esse seria mais um “boato” inventado sobre ele. O site G1, no entanto, confirmou que o nome do artista estava no boletim

Imagem: Reprodução

Sérgio Hondjakoff, 37, que ficou conhecido por fazer o querido personagem ‘Cabeção’ em Malhação, novela da TV Globo, estava em uma clínica de reabilitação que foi fechada pela Polícia Civil. Segundo os policiais, a clínica, situada em Pindamonhangaba, mantinha os internos em cárcere privado. O ator negou usou suas rede sociais para negar a informação em um vídeo postado nesta quinta-feira, 5.

Segundo Sérgio, esse seria mais um “boato” inventado sobre ele. O site G1, no entanto, confirmou que o nome do artista estava no boletim de ocorrência registrado na Polícia Civil e que Sérgio, portanto, esteve na delegacia após o fechamento da clínica.

Segundo as denúncias feitas sobre o local e depoimentos colhidos pelos internos, os 46 pacientes, que estavam em tratamento contra dependência química, eram mantidos trancados nos quartos, sem acesso às chaves, além de terem suas ligações com familiares controladas pelos donos da clinica. Os pacientes ainda contaram que, para receberem a vacina contra a covid-19, tiveram que pagar uma taxa a clínica.

O local foi fechado nesta quarta-feira, 4, em ação conjunta realizada pelo Ministério Público e Polícia Civil. Segundo a polícia, medicamentos que necessitavam de prescrição médica foram encontrados no local, os funcionários, no entanto, não tinham a receita. Os donos vão responder por sequestro.

A polícia não informou por quanto tempo o ator ficou sob cárcere, apesar disso, ele andava sumido das redes sociais. Sua última postagem antes do caso foi há quase 3 meses atrás, no dia 10 de maio.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar