Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Exposições

Lourenço de Bem inaugura a exposição “Queda Livre”

Mostra conta com 300 esculturas antropomorfas e modulares, de diferentes tamanhos, dimensões, posturas e arranjos

Foto: Lucas Bassilio/Divulgação

O artista Lourenço de Bem inaugura, no dia 26 de outubro, a exposição Queda Livre na Galeria Rubem Valentim do Espaço Cultural Renato Russo. A mostra conta com 300 esculturas antropomorfas e modulares, de diferentes tamanhos, dimensões, posturas e arranjos. “Durante esses vinte anos, desenvolvi uma metodologia muito particular”, explica o artista. As esculturas, feitas a partir de uma massa com base de papel, trazem a inventividade de Lourenço ao ousar com a mistura de outros elementos. “Comecei a botar outros produtos da construção civil na massa para diminuir a rugosidade do papel quando seca, essas coisas”, acrescenta.

O artista, acostumado a criar na solitude de seu atelier, acabou por inventar seres que representam os habitantes de seu universo íntimo e particular – e que agora estão disponíveis para o público.

As obras serão dispostas pela galeria até que se tornem uma só, demonstrando que não existe vida sem comunidade. Espiritualizado e conectado com a natureza, Lourenço de Bem expressa, por meio de suas esculturas, reflexões contemporâneas sobre a finitude humana, o belicismo incorporado na sociedade atual e, ainda, a necessidade de conexão que todos possuem.

A composição das esculturas pode suscitar diversos significados, provocando a associação livre no público por meio da elasticidade, mutabilidade e campo ampliado. “A grande instalação nos convida a pensar sobre a fragilidade da condição humana, as incertezas inerentes a condição da matéria, e a finitude de nossa existência. A fragilidade e perenidade da vida é exposta de maneira crua e direta. Densidade, massa, equilíbrio e harmonia, nada sobrevive ao poder da gravidade. Tudo está em queda livre”, define o curador Marco Cavalcanti.

Foto: Lucas Bassilio/Divulgação

Workshop com Lourenço de Bem

No dia 06 de dezembro, haverá um workshop preparado especialmente para a mostra. A partir de visita interativa, o público poderá participar de conversa sobre a instalação e todo o processo criativo envolvido no projeto. A participação é gratuita, com horário a definir. As inscrições podem ser feitas diretamente no e-mail do artista, com o envio de nome completo e e-mail: [email protected].






Você pode gostar