Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Exposições

Exposição ‘Retratos’ será aberta nesta quarta-feira (22)

Iniciativa é realizada no CEF 28 da Ceilândia, com a condução do professor de Artes Tonismar Luz e foco na fotografia. Ilka Teodoro é uma das apoiadoras

Foto: Emanuelle Sena/Divulgação

Desde 2019, o projeto Retratos traz o protagonismo da beleza de profissionais e estudantes negros e negras de escolas públicas do Distrito Federal. As ações têm ápice numa exposição anual, resultante do trabalho de meses. No dia 22 de novembro, às 19h, no Auditório do Colégio Projeção, o público terá acesso aos resultados. A advogada e ex-Administradora do Plano Piloto, Ilka Teodoro, é uma das apoiadoras do Retratos, que é conduzido pelo professor Toni Luz no CEF 28 da Ceilândia.

“Tomei conhecimento desse projeto como gestora pública e fui prestigiar a exposição em 2022. Desde então, agora como pessoa física, sigo apoiando o Retratos porque considero uma das iniciativas mais bonitas – literalmente – que conheci no combate ao racismo no Distrito Federal”, ressalta Teodoro. Além da beleza das fotografias, ela reforça a importância de ser uma atividade contínua com os/as estudantes, “que resulta em muito aprendizado técnico e formação para a cidadania, ampliação de horizontes, reforço de autoestima, espírito coletivo, é admirável ver o projeto retratos acontecer e dar frutos”, acrescenta ela.

O professor Tonismar Luz (Artes – Centro de Ensino Fundamental 28, Sol Nascente), responsável pelo Retratos, explica como tudo começou: “Junto com a minha filha Amanda Luz que é estudante de pedagogia e fotógrafa, idealizamos e realizamos o Retratos, que consiste em produzir fotografias em preto e branco, feitas no ambiente escolar com alunos e profissionais da rede pública de ensino do Distrito Federal.” Ainda segundo Luz, “as fotos objetivam revelar a beleza das pessoas pretas e elevar a autoestima dos participantes, mas também um caráter de denúncia social no que diz respeito a pobreza, ao preconceito, ao colorismo, ao racismo estrutural e a violência.”

Em 2022, por meio de um amigo em comum, a então Administradora foi convidada a ir à exposição anual e – para surpresa da organização do evento – compareceu e não “largou mais a mão” do Retratos: “Desde então Ilka tem nos acompanhado e nos apoiado, divulgando o Retratos em suas redes sociais, construindo pontes entre o projeto e parlamentares, empresários e grandes grupos corporativos para nos apoiar financeiramente”, relembra o professor.
Ele ressalta também que o apoio de pessoas e organizações é necessário devido aos custos para produzir fotos de qualidade, pois “requer equipamentos e produções que têm custo elevado, bem como fazer um evento para receber nossos 1300 alunos e a comunidade escolar com a ambientação adequada do espaço para uma exposição, alimentação, e toda logística que um evento desta natureza precisa”.

O momento da exposição chega a reunir cerca de 1300 estudantes e a comunidade escolar, com estrutura de alimentação, e recebe as pessoas envolvidas nas atividades e suas famílias. Para quem se disponibilizar a apoiar o projeto, basta entrar em contato pelo Instagram ( ) ou diretamente pelo PIX que reúne as doações: Banco do Brasil, PIX: 646.200.771-00 – Tonismar Luz da Silva.

SERVIÇO
Exposição “Retratos: um grito por consciência”
Quarta-feira, 22 de novembro
A partir das 19h30
No Auditório do Colégio Projeção – A.E.n.5 e 6 – Setor C Norte – Taguatinga Norte, Brasília
Entrada gratuita, limitada à capacidade do local

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar