fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Eventos

Última edição 2019 do Fórum de Produtores Culturais acontece no Teatro Brasília Shopping

Projeto tem curadoria de Aryane Sanchéz e traz a gestora cultural Giselle Dupin, em 10 de dezembro

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Atenção produtores culturais e amantes da arte. O Teatro Brasília Shopping abre as cortinas para a última edição do Fórum de Produtores Culturais 2019. O terceiro encontro da série está confirmadíssimo para 10 de dezembro, às 19h, e traz a gestora cultural e Ponto Focal da Unesco no Brasil para a Convenção da Diversidade Cultural, Giselle Dupin. O tema da palestra é Cultura e Desenvolvimento Sustentável. A curadora e criadora do projeto é Aryane Sanchéz, hoje à frente da gestão cultural do SESC DF. A entrada é gratuita e sem necessidade de inscrição prévia! É só chegar!

Agenda 2030

No dia 19 de novembro passado, a UNESCO realizou, em Paris, um Fórum de Ministros da Cultura intitulado “Cultura e políticas públicas para o desenvolvimento sustentável”. Ao adotar, em 2015, a Agenda 2030 os países membros da ONU, inclusive o Brasil, se comprometeram a implementar, até 2030, um Plano de Ação para alcançar um equilíbrio entre a prosperidade humana e a proteção do Planeta, bem como o fortalecimento da paz universal, tendo como base o desenvolvimento sustentável. São 17 objetivos, conhecidos como ODS – Objetivos do Desenvolvimento Sustentável.

Apesar dos esforços da UNESCO junto à ONU, nenhum dos ODS está voltado especificamente para a cultura. Mas a contribuição desta é reconhecida nas áreas de educação, crescimento econômico, cidades sustentáveis e nos modos de consumo e produção sustentáveis. Um dos objetivos da reunião de ministros foi a elaboração de um projeto de Resolução a ser adotado pela Assembleia Geral das Nações Unidas de 2021, intitulado “Cultura e Desenvolvimento Sustentável”. Por desse documento, a ONU deverá reconhecer o potencial da cultura na promoção da inclusão social e do desenvolvimento de um setor econômico forte e viável, gerando renda, criando empregos decentes e abordando as dimensões econômica e social da pobreza por meio do patrimônio cultural e das indústrias culturais e criativas.

O Brasil participa dessas discussões no nível internacional, mas a sociedade não está sendo chamada a contribuir e não se vê repercussões do tema nas políticas públicas de cultura. O que fazer? Como contribuir para que a cultura e a produção cultural brasileira recupere seu prestígio e ganhe relevância nas políticas públicas do país? Qual o papel dos produtores culturais nesse contexto?

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O Fórum

O Fórum de Produtores Culturais completou 5 anos de atividades em setembro passado, promovendo, gratuitamente, palestras com personalidades representativas do cenário artístico, cultural e do empreendedorismo criativo. Os bate-papos, idealizados pela produtora e gestora cultural do SESC DF, Aryane Sánchez, contaram com a presença do ator Paulo Betti; do produtor carioca Marcos Portinari; do diretor de relações institucionais da Oi, José Zunga; da diretora geral do CCBB, Paula Sayão; da atriz Adriana Nunes; do diretor Eduardo Chauvet; da Drag Queen Allice Bombom; do Secretário de Estado de Cultura do DF Guilherme Reis; do poeta Nicolas Behr; do ator e jornalista Alexandre Ribondi; do produtor e BBoy Alan Jhone Moreira; do gerente de patrocínio da Petrobras, Lucas Odoni; da poetisa e letrista Ana Terra; do produtor francês Jacques Figueras; do escritor indicado ao prêmio Jabuti 2017, Anderson França; entre outros.

PROGRAME-SE

FÓRUM DE PRODUTORES CULTURAIS 2019

Local: Teatro Brasília Shopping

Data: 10 de dezembro, às 19h, com a palestra Cultura e Desenvolvimento Sustentável

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Entrada gratuita

Mais informações: (61) 98205 4843 – exclusivo para whatsapp e sms ou aryanesanchez@gmail.com e www.brasiliashopping.com.br




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade