Siga o Jornal de Brasília

Entretenimento

Dona Cislene faz show de lançamento de novo disco

Banda brasiliense apresenta terceiro álbum autoral hoje, na praça central do shopping Pier 21

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Depois de passar o ano de 2019 lançando as músicas que formariam o terceiro álbum autoral da banda, os integrantes da brasiliense Dona Cislene se preparam agora para fazer o show de lançamento do disco TempoRei. A apresentação será hoje, na praça central do shopping Pier 21 (Setor de Clubes Sul), a partir de 19h30, com entrada gratuita.

Formado por dez músicas autorais lançadas em blocos ao longo do ano, o álbum TempoRei traz a participação dos brasilienses da banda Scalene na faixa Santoforte e dos rockeiros de Fortaleza do grupo Selvagens à Procura da Lei, na música Envelhecer. Segundo o guitarrista Guilherme de Bem, o disco mantém a identidade da banda, apesar de ser diferente dos outros álbuns. “A gente gosta de mudar, mas também tentamos manter a nossa identidade como banda”, afirma.

O guitarrista também contou, em entrevista ao Jornal de Brasília, que o processo de produção do novo disco reflete uma maturidade do grupo. “Acho que esse foi o nosso álbum que teve o processo de produção mais cuidadoso. Fomos muito cuidadosos em relação aos arranjos, aos timbres, fizemos quase tudo por conta própria, sem interferência externa, então estamos orgulhosos e felizes que a resposta do público está sendo incrível”, afirma.

A relação com os fãs, inclusive, foi um ponto central da divulgação do novo álbum. “Decidimos lançar as músicas pouco a pouco, com um intervalo de um mês e meio entre elas, para que o público pudesse absorver e entender melhor nossas canções”, revela Guilherme. “Foi uma forma de experimentar uma divulgação diferente do normal com que o mercado está acostumado. E o resultado foi ótimo porque o público deu um retorno muito bom”, completa.

De acordo com o guitarrista da banda, o show de amanhã será diferente do que os artistas estão acostumados a fazer — e o público, a participar. “Temos uma proposta diferente para a apresentação, que será um show acústico, mais calmo, com a presença do violão e a bateria reduzida”, revela Guilherme. Para ele, esse formato é desafiador e divertido. “Estamos ansiosos porque a maioria das nossas apresentações são iguais e essa vai ser bem diferente. Vai ser um desafio, mas muito divertido também”, finaliza.

Além das músicas do novo álbum, o show também conta com algumas músicas antigas no repertório. Na ocasião, os integrantes Bruno Alpino, Guilherme de Bem, Pedro Piauilino e Paulo Sampaio também deixarão a marca da banda na famosa Rua das Estrelas do Pier 21.

Show de abertura

O show de abertura da noite fica por conta da também brasiliense GoodTime. Formada por quatro jovens autistas, a banda é resultado do trabalho de um grupo terapêutico que utiliza músicas para o tratamento de transtornos neurológicos. “Dentro desse grupo, os integrantes se descobriram na música e decidiram transformar a arte em um meio de vida”, conta Daiana Dias, tia do baterista João Henrique Lopes. “Temos uma paixão enorme pela música”, completa o rapaz.

Conforme contou Daiana ao Jornal de Brasília, os membros da banda —João Daniel Simões (vocais) , João Henrique Lopes (bateria), Marcelo Bacelar (baixo) e Daniel Ratter (guitarra) — têm contato com a música desde pequenos. “Meu sobrinho, por exemplo, toca bateria desde os 2 anos de idade”, revela. “Todos eles começaram na música como autodidatas e agora estão buscando se profissionalizar”, completa. O baterista — que tem apenas 18 anos — já é formado pela Escola de Música de Brasília.

“São garotos autistas que se descobriram na música e querem viver dela. A ideia deles é transformar a música em profissão, mesmo. Já são até cadastrados no Sindicato dos Músicos”, revela a tia.

Para João Henrique, o melhor da música é o espaço que ela dá à criatividade. “O que eu mais gosto — quando estou envolvido com a música — é poder me expressar, ser quem eu sou e usar a minha criatividade”, disse.
O baterista está animado para a apresentação de hoje: “Vamos tocar rock, com um pouco de Oasis, Mick Jagger, Legião Urbana e Paralamas do Sucesso”. Tia Daiana acrescentou que o show promete ser bem eclético e dançante. “A ideia deles é fazer bastante barulho na praça do Pier 21”, finaliza.

A banda já se apresentou nos palcos das principais casas de shows e eventos de Brasília, como o Capital Moto Week e o Na Praia.


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade