fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Entretenimento

Abre Alas do Suvaco da Asa é nesta sexta-feira (17/1)

Contagem regressiva para o baile Abre Alas do Suvaco da Asa. O evento, gratuito, terá início às 20h desta sexta-feira (17/1)

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Contagem regressiva para o baile Abre Alas do Suvaco da Asa. O evento, gratuito, terá início às 20h desta sexta-feira (17/1). O esquenta do pioneiro bloco pré-carnavalesco de Brasília acontece na quadra da Aruc: SRES 8, Área Especial, Cruzeiro Velho.

Quem retirou o ingresso antecipadamente pelo site Sympla terá acesso garantido à festa até 22h. Depois desse horário, a organização vai liberar a entrada para quem não estiver com o ticket em mãos, sempre respeitando a lotação máxima permitida para o espaço.

Confira as atrações dessa grande festa:

DJ Pops – O DJ brasiliense mistura ritmos tradicionais a hits do momento em sua discotecagem. Em seus sets, Pops mescla ijexá, maracatu, marabaixo, MPB e axé ao pop e à música feita em Brasília. DJ Pops é residente do Samba Urgente.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

DJ Teozim – Teozim vem direto de Recife para Brasília botar fogo no esquenta do Suvaco da Asa. O DJ traz para a pista de dança frevo, maracatu, coco, axé e vários hits nascidos, como ele, em terras pernambucanas.  Não faltarão surpresinhas para animar os foliões, garante Teozim.

Charretinha do Forró – Esse grupo do Distrito Federal leva aos palcos de 7 a 12 integrantes em suas apresentações performáticas, dançantes e irreverentes. Praticamente uma big band, formada (como o Suvaco) por um grupo de amigos, a Charretinha toca todas as variações do ritmo eternizado por Luiz Gonzaga, sendo residente do Arraiá da Vila do Chaves.

Bateria da Aruc – A Aruc e sua bateria nota 10 fazem parte da história da capital brasileira. A escola de samba do Cruzeiro surgiu em 1961, quando Brasília tinha apenas 1 ano de vida, e se tornou a maior campeã do carnaval brasiliense: são 31 títulos, oito deles consecutivos. A agremiação promove ações sociais e culturais em todo o DF e Entorno, mantendo a bateria afiada. No dia 17, os suvaqueiros também vão cair no samba.

 Orquestra Popular Marafreboi – Sob a batuta do mestre pernambucano Fabiano Medeiros, a Marafreboi reúne músicos de Pernambuco, DF e Entorno em um trabalho de pesquisa, resgate e preservação dos ritmos populares brasileiros; criação de peças autorais e valorização dos compositores brasilienses. No caldeirão musical da orquestra, há maracatu, frevo, bumba meu boi, forró, xote, choro e ciranda, entre outros ritmos. Com a Marafreboi, que há 11 anos arrasta os foliões no desfile oficial do Suvaco da Asa, até a brasiliense Legião Urbana cai no frevo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O Suvaco da Asa

Ao promover seu abre alas no Cruzeiro, o Suvaco da Asa volta às origens. O bloco pré-carnavalesco surgiu em 2006, desfilando pelas ruas entre o Cruzeiro Velho e o Sudoeste Econômico. Em 2016, as apresentações passaram a ser no Eixo Monumental, próximo à Funarte.

Anualmente, o desfile oficial do Suvaco da Asa ocorre 15 dias antes do Sábado de Zé Pereira (o sábado de carnaval propriamente dito). Neste ano, a data cai no dia 8 de fevereiro, e os preparativos estão a todo o vapor. Mais notícias sobre o desfile do Suvaco serão divulgados após o baile de Abre Alas.

Abre Alas do Suvaco da Asa
Dia 17/01/2020
A partir das 20h
Na quadra da Aruc – SRES, Área Especial 8, Cruzeiro Velho

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade