fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Policial é baleado ao reagir a assalto na 703 Norte

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Da redação
[email protected]

Uma tentativa de assalto deixou feridos na 703 Norte, ontem à tarde. Homens armados entraram em um comércio e feriram um policial militar a balas. Horas depois, três dos cinco suspeitos envolvidos no caso foram presos em Ceilândia. As imagens de segurança da loja que vende bilhetes de loteria registraram a entrada de dois homens com capacetes nas mãos. Os outros criminosos davam cobertura aos comparsas. Eles anunciaram o assalto e o militar reagiu.

O terceiro sargento Orlando Costa da Silva, da Rotam, foi atingido no abdome e no braço esquerdo. Um pedestre, que passava pelo local no momento do crime, foi ferido no pé com estilhaços de vidro.

Da fuga à prisão

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Outros dois suspeitos em um Kadett verde estariam prontos para a fuga. Sem levar nada, os assaltantes saíram do comércio e três deles foram presos na QNN 19, em Ceilândia. As motos usadas para a chegada ao local foram deixadas perto da cena do crime.

O sargento Orlando Costa foi levado ao Hospital da Asa Norte. A bala que o atingiu perfurou o braço e ficou alojada perto do intestino delgado. A cirurgia para a retirada do projétil começou à tarde e o policial estava em condição estável.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A estudante Dara Gomes mora no mesmo prédio do comércio e escutou a ação. “Olhei pela janela e vi os dois caras correndo. Antes eu consegui ouvir vários tiros. Desci e ajudei a socorrer o outro ferido”, relatou. Os assaltos têm sido frequentes no local. “Não faz nem três semanas que a loja ao lado foi roubada, e ali na 704 também teve outro roubo há pouco tempo. Já assaltaram minha casa”, reclamou.

O policial faz parte das Rotas Ostensivas Táticas Móveis (Rotam) desde 2004. Colegas do grupamento prestaram apoio às investigações.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade