fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Médico encaminhava pacientes da rede pública para clínica particular dele

Médico oftalmologista atuava no Hospital Regional de Sobradinho. Três mandados de busca e apreensão são cumpridos nesta quinta (18)

Willian Matos

Publicado

em

Foto: Vitor Mendonça/Jornal de Brasília
PUBLICIDADE

Willian Matos
[email protected]

A Polícia Civil do DF (PCDF) e o Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT) deflagraram a operação Bilocação nesta quinta-feira (18/7). A ação visa cumprir três mandados de busca e apreensão, sendo um deles para contra um médico da rede pública de saúde que encaminhava pacientes para a clínica particular dele, segundo investigações.

O médico é o oftalmologista Hélvio Durante. Ele é lotado no Hospital Regional de Sobradinho. Sobre as investigações, ele alega que um aparelho necessário para os atendimentos na unidade não funciona e, por isso, orienta os pacientes a irem ao estabelecimento dele — em horário de expediente.

Os três mandados são cumpridos no HRS, na clínica particular de Hélvio e na casa dele.

De acordo com a Coordenação Especial de Combate à Corrupção, ao Crime Organizado e aos Crimes Contra a Administração Pública (Cecor), outras condutas similares foram denunciadas à Polícia Civil e ao Ministério Público, sendo que todas serão apuradas e, caso confirmadas, os servidores serão processados criminalmente.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade