fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Fuga da Papuda: ala do Centro de Detenção Provisória deverá ser interditada

Os presos que estão no local, seguindo critérios de segurança e situação processual, serão alocados pela unidade

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Foi determinada pela Vara de Execuções Penais (VEP) do Distrito Federal a interdição da Ala C do Bloco 1 do Centro de Detenção Provisória (CDP) da Papuda, de onde fugiram 17 detentos nessa quarta-feira (14). A decisão foi tomada após uma inspeção no local, acompanhada pelo Núcleo de Controle e Fiscalização do Sistema Prisional do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (Nupri/MPDFT).

Os presos, seguindo critérios de segurança e situação processual, serão alocados pela unidade. Foi constatada, durante a inspeção, a presença de um buraco, provisoriamente isolado pelos servidores da unidade. Foi realizada  oitiva de 10 custodiados que estavam na cela mas que não fugiram e de um custodiado recapturado. A laje da cela foi considerada em péssimas condições de manutenção.

Segundo o MPDFT, dessa forma, o Nupri e a VEP entendem necessária a desocupação das 11 celas da Ala C para que a administração penitenciária providencie os devidos reparos, com urgência, sobretudo para evitar a ocorrência de novas evasões.

No início do ano, em razão da fuga de três custodiados do mesmo bloco, a Ala A foi interditada para reparos. Na ocasião, foi mencionada a fragilidade da estrutura arquitetônica, cujas paredes e o teto foram construídos com tijolo furado 20×20, montados entre algumas poucas vigas, já desgastados pelo tempo. Essa situação facilitava sucessivas escavações pelos presos, que, após o rompimento da laje da cela, acessavam o telhado do bloco, de onde desciam e fugiam.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A decisão da VEP estabelece, ainda o prazo de 30 dias, para que a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seape) apresente o plano detalhado de obras para recuperação da ala interditada, com indicação dos ajustes que serão realizados, material a ser empregado, mão-de-obra e cronograma de entrega.

Com informações do MPDFT




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade