fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Cães e gatos prontos para a adoção na Vigilância Ambiental de Zoonoses

Ao todo, são 21 indivíduos. Os cachorros fazem parte de um grupo de animais resgatados

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

A Vigilância Ambiental de Zoonoses está com 15 cães e seis gatos prontos para adoção. Os cachorros são adultos ou idosos e foram resgatados em situação de maus tratos. Já os felinos são filhotes de cerca de três a quatro meses de idade. Todos estão saudáveis e disponíveis para ganhar um novo lar.

O gerente da Zoonoses, Rodrigo Menna, explica que os cães, que são dóceis, fazem parte de um resgate de cerca de 250 animais que ficavam sozinhos e soltos em um lote, com quase nenhuma convivência com humanos. “É possível eles se adaptar, mas tem que ser aquela pessoa com uma paciência a mais, com um carinho maior, disposta a enfrentar essa missão”, orienta o gestor.

Assim como os cachorros, os gatos disponíveis para adoção já passaram por exames para detectar leishmaniose e foram vacinados contra a raiva.

Fotos: Geovana Albuquerque/Agência Saúde

Como adotar

Pessoas interessadas em adotar devem ser maiores de 18 anos, apresentar documento de identificação com foto e assinar um termo de responsabilidade em que se comprometem a cuidar bem do animal.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Uma vez adotado, o animal deve passar por exames anuais, bem como receber todas as vacinas necessárias. Aos donos também cabe administrar vermífugo e aplicar remédios contra pulgas e carrapatos e ainda um repelente de flebótomo, conhecido como mosquito palha, transmissor do parasita da leishmaniose visceral canina.

Programa de adoção

Zoonoses / Diretoria de Vigilância Ambiental (Dival): Setor de Áreas Isoladas Norte (Sain), Lote 4, Estrada do Contorno Bosque, Noroeste. Horário de visitação: das 11h às 17h, de segunda a sexta-feira.

Preencha o formulário de adoção.

As informações são da Agência Brasília

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade