Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Vídeo: policial carrega cachorro ferido durante buscas a Lázaro

Na última quinta-feira (17), Sauke se feriu ao passar por uma pedra, dentro da água, e o corte, entre os dedos da pata traseira do animal, o impossibilitou de andar

Foto: Reprodução/Polícia Militar de Goiás

O pastor alemão Sauke sofreu um corte na pata traseira, durante as operações de busca a Lázaro Barbosa, de 32 anos. Um vídeo divulgado pela Polícia Militar mostra o momento em que o animal é carregado por um dos militares. As imagens foram divulgadas nesta segunda-feira (21).

Na última quinta-feira (17), Sauke se feriu ao passar por uma pedra, dentro da água. O corte entre os dedos da pata traseira do animal o impossibilitou de andar. Devido a isso, Sauke precisou ser carregado por um dos policiais. Segundo a Polícia Militar, o cão policial foi encaminhado a uma clínica veterinária, onde recebeu tratamento. Ele continua afastado da função nas buscas e aguarda retorno. Apesar disso, Sauke está bem.

Ao todo, cinco cães farejadores trabalham nas buscas por Lázaro, em Cocalzinho de Goiás. Um dos animais da equipe é a cadela Cristal, que ajudou nas buscas por desaparecidos após o rompimento da barragem de Brumadinho-MG.

Lázaro é acusado de cometer um homicídio quádruplo na região do Incra 9 (Ceilândia). Já são 14 dias de caçada ao assassino. O criminoso está foragido desde o último dia 9 de junho, data da chacina no Incra 9 (Ceilândia). Aumenta a angústia da população o fato de não haver rastros confirmados do fugitivo há pelo menos três dias.






Você pode gostar