Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Secretário da Saúde anuncia chegada de mais vacinas

Ainda segundo o secretário, parte das doses da CoronaVac serão remanejadas para os estados que não cumpriram com as obrigações relativas à aplicação da segunda dose

Foto: Renato Alves/Agência Brasília

Mateus Souza
[email protected]

Durante a coletiva sobre as ações do Governo do Distrito Federal (GDF) de combate à pandemia, realizada nesta segunda-feira (17), o secretário da Saúde, Osnei Okumoto, anunciou a chegada de mais vacinas, no decorrer desta semana. Serão 42 mil doses da CoronaVac, 27 mil doses da AstraZeneca e 7.300 doses da Pfizer.

Okumoto informou que o lote de CoronaVac será utilizado como segunda dose e o lote da AstraZeneca será utilizado como primeira dose, assim como o lote da Pfizer. Ainda segundo o secretário, parte das doses da CoronaVac serão remanejadas para os estados que não cumpriram com as obrigações relativas à aplicação da segunda dose do imunizante.

Atualmente, o Governo do Distrito Federal (GDF) se mobiliza para vacinar as pessoas com comorbidades, com idades entre 30 e 49 anos. Esse grupo representa um total de 40 mil indivíduos.

Aumento na procura por vacinação

Durante a coletiva, o chefe da Casa Civil, Gustavo Rocha, anunciou que houve um aumento significativo na procura pela vacina, tendo como referência as pessoas na faixa etária de 60 a 65 anos. Isso ocorreu após Rocha ter salientado, na última coletiva, que os índices dessa faixa etária estavam baixos.

Após a divulgação, ao todo 12.024 pessoas dessa faixa etária procuraram os postos de vacinação, na última semana. Isso representou um aumento de 54,29%, para 69,01%, entre as pessoas de 60 anos. Já entre as pessoas com 61 anos, esse índice subiu de 54,37% para 68,34%.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar