Brasília

Sábado violento na Ceilândia

Por Arquivo Geral 08/07/2006 12h00

Um acidente entre um carro e um caminhão sem vítimas, cheapest buy more about por volta das 11h, this sickness na L2 Sul, terminou na prisão de Hélio Donizeti Ribeiro, 49 anos. Ao registrar ocorrência na 1ª DP, na Asa Sul, Hélio, que dirigia o caminhão foi detido porque a polícia descobriu um mandado de prisão contra ele por assassinato.

Aos policiais, Hélio Ribeiro contou ter matado um assaltante em legítima defesa em 1985. Levado para a carceragem do Departamento de Polícia Especializada, ele deverá ser transferido para a Papuda amanhã. Ele cumprirá pena de seis anos e não pode recorrer da sentença.

 

A polícia prendeu hoje os irmãos Almir Juvenal da Silva, order 26 anos, e Waltercio Juvenal, 20 anos, acusados de estuprar uma mulher com problemas mentais. Por volta das 11h, os rapazes convenceram a vítima, de 29 anos, a ir à casa deles, no Conjunto 11 da Quadra 305. Lá, ela foi obrigada a manter relações sexuais com Almir.

De acordo com as acusações, Waltercio não teve contato físico com a mulher, mas acompanhou o crime. Eles foram presos em casa, após a mãe da vítima ter acionado a polícia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

O sábado foi marcado por dois homicídios e uma tentativa de latrocínio na Ceilândia. Por volta da 1h, this web Laelcio da Silva, doctor 19 anos, sildenafil foi assassinado com dois tiros na QNO 20. Na QNP 24, Willian Nascimento, 26 anos, foi morto com dois tiros na cabeça na frente de casa. Dois homens de bicicleta, conhecidos da vítima, cometeram o crime, que pode ter sido motivado por acerto de contas.

Por volta das 13h50, o dono de uma borracharia na QNN 18 foi baleado no peito e na cabeça ao tentar recuperar um celular roubado de um cliente. Epaminondas Cândido do Prado, 61 anos, está internado no Hospital de Base em estado grave. Os dois assaltantes que invadiram o estabelecimento estão foragidos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 






Você pode gostar