Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

MPDFT e PDDC pedem atenção nos protocolos de saúde durante o Candangão 2022

Federação de Futebol deverá encaminhar laudos técnicos dos estádios no prazo de dois dias úteis

Por Mia Andrade 21/01/2022 8h38
Foto: Alan Rones

A Procuradoria Distrital dos Direitos do Cidadão (PDDC) solicitou à Federação de Futebol do Distrito Federal (FFDF) o encaminhamento de laudos técnicos referentes às condições de segurança dos estádios do DF. A instituição deve enviar os laudos ao Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT) no prazo de dois dias úteis.

A ação é para garantir a segurança durante os jogos do Campeonato Candangão 2022, que começam no dia 22 de janeiro. A Procuradoria ressaltou que a Federação deve assegurar que o público presente durante as competições esportivas esteja imunizado contra a covid-19, mediante ao comprovante de vacinação, após quinze dias do recebimento da segunda dose da vacina ou da dose única.

A instituição também deverá observar os protocolos de saúde e medidas de segurança previstas nos decretos distritais de combate à pandemia. O MPDFT também informa no documento que nos casos de arenas, ginásios ou estádios concedidos aos particulares, a responsabilidade também é da concessionária que administra o local.

A PDDC destacou que a pandemia exige contínua observação da população em relação aos cuidados recomendados pelas autoridades sanitárias, em especial a respeito de aglomerações.

Os órgãos também alertaram para o avanço da nova variante ômicron e o aumento da taxa de transmissão da covid-19 no DF, de 2,581, que traz a possibilidade de sobrecarga do sistema hospitalar.








Você pode gostar